Resultados em destaque

Tegma (TGMA3) tem alta de 26,6% no lucro no 2º trimestre, a R$ 30,6 mi; empresa anuncia proventos

Empresa de gestão logística divulgou resultado nesta quarta-feira (3)

Por  Equipe InfoMoney -

A Tegma (TGMA3), empresa de gestão logística, divulgou resultado do segundo trimestre de 2022 nesta quarta-feira (3) com um lucro líquido de R$ 30,6 milhões, cifra 26,6% superior ao reportado no segundo trimestre de 2021.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado foi de R$ 49,1 milhões no 2T22, um crescimento de 39,1% na comparação com 2T21.

A margem Ebitda (Ebitda sobre receita líquida) ajustada atingiu 16,1% entre abril e junho, alta de 1,2 p.p. frente a margem registrada em 2T21.

Segundo a Tegma, o desempenho se deve principalmente ao crescimento no volume de veículos transportados e ao constante esforço de controle de gastos na operação, se refletindo em maior eficiência.

A receita líquida somou R$ 304,5 milhões no segundo trimestre deste ano, crescimento de 28,5% na comparação com igual etapa de 2021, impactada positivamente pelo crescimento da quantidade de veículos transportados, além do crescimento de outros serviços logísticos da Divisão Automotiva, assim como da Logística Integrada.

A projeção média de analistas consultados pela Refinitiv era de um lucro de 25,20 milhões e receita de 293,5 milhões.

Leia também:

O resultado financeiro líquido foi positivo em R$ 200 mil no segundo trimestre de 2022, um recuo de 90,5% frente aos ganhos financeiros da mesma etapa de 2021.

O lucro bruto atingiu a cifra de R$  57,4milhões no segundo trimestre de 2022, um aumento de 29,4% na comparação com igual etapa de 2021. A margem bruta foi de 18,9% no 2T22, alta de 0,11 p.p. frente a margem do 2T21.

O retorno sobre o capital investido (ROIC) foi de 16,6% no segundo trimestre deste ano, alta de 0,3 p.p. em relação ao mesmo período do ano passado.

O caixa líquido em junho de 2022 era de R$ 51,3 milhões, uma queda vs a posição de março de 2022 de R$ 91,3 milhões. “Essa posição foi impactada principalmente pelo alto consumo de capital de giro, em decorrência da rápida recuperação da receita da logística automotiva no 2T22 vs o 1T22, além de atrasos pontuais de clientes”, explica a empresa.

A Tegma aprovou o pagamento de proventos no valor de R$ 24,5 milhões, sendo dividendos intercalares, no valor de R$ 18,4 milhões, equivalentes a R$ 0,2796879547 por ação; e juros sobre capital próprio no valor de R$ 6,1 milhões, que corresponde a R$ 0,0932293182 por ação.

Terão direito ao recebimento dos proventos todos os titulares de ações ordinárias da Tegma no dia 8 de agosto de 2022, sendo que as ações da companhia passarão a ser negociadas “ex- dividendos e ex-juros sobre capital próprio” a partir de 9 de agosto de 2022, inclusive.

Os pagamentos serão efetuados em 18 de agosto de 2022.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe