Temporada de balanços

BTG (BPAC11) lucra 72% a mais no 1º trimestre, a R$ 2,062 bi

A receita total no trimestre atingiu R$ 4,35 bilhões, alta de 56% ano a ano.

Por  Equipe InfoMoney -

O BTG Pactual (BPAC11) reportou nesta segunda-feira uma alta de 72% no lucro líquido ajustado no primeiro trimestre de 2022 (1T22) em relação a igual período de 2021, a R$ 2,062 bilhões.

A receita total no trimestre atingiu R$ 4,35 bilhões, alta de 56% ano a ano.

Já a receita de tesouraria somou R$ 1,48 bilhão no primeiro trimestre de 2022, avanço de 83% frente ao mesmo trimestre de 2021. A receita de investment banking caiu 27% no 1T22, atingindo R$ 351 milhões.

O retorno sobre patrimônio médio anualizado (ROAE, na sigla em inglês), um indicador de rentabilidade, atingiu 21,5%, alta de 2,1 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior.

A carteira de crédito totalizou R$ 124,5 bilhões no 1T22, uma elevação de 33,7% na comparação ano a ano.

Leia também:

Os ativos sob custódia do BTG somaram R$ 1,04 trilhão nos três primeiros meses do ano, um aumento de 36% em relação ao mesmo período de 2021.

No fim do período, o patrimônio líquido totalizou R$ 39,3 bilhões, uma alta de 5,1% em relação ao trimestre anterior, e de 29,2% em relação ao 1T21.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

 

Compartilhe