Qual o salário de presidente da Petrobras? Confira o valor mensal e bonificações

Empresas do setor desembolsam cifras milionárias para a diretoria executiva

Ana Paula Ribeiro

Publicidade

Para comandar a maior empresa do país caso sua indicação seja confirmada, a engenheira civil Magda Chambriard irá receber um salário de R$ 133.149,57 no cargo de presidente da Petrobras (PETR4). Esse valor, somado à bonificação prevista, faz com que a executiva possa acumular uma remuneração de R$ 3,5 milhões no ano, segundo dados do Portal da Transparência.
O montante é correspondente aos salários pagos em um ano, além de bonificação por férias, gratificação natalina e a previsão de R$ 1,6 milhão referente ao Programa de Prêmio por Performance (PPP), que é um bônus pago por desempenho.

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas.

Além dessa remuneração, é comum executivos terem outros benefícios atrelados ao cargo. No caso da Petrobras, isso envolve ainda auxílio moradia, plano de saúde e previdência complementar.

Continua depois da publicidade

O estatuto da Petrobras ainda prevê uma remuneração compensatória, paga por seis meses, para quem deixa o cargo. Nesse prazo, o executivo não pode assumir função em nenhuma outra empresa. O objetivo dessa quarentena é evitar a circulação de informações privilegiadas em outras companhias. O valor mensal é igual ao salário atual, que é de R$ 133.149,57.

Quanto ganha um CEO no Brasil?

As cifras milionárias não são exclusividade da Petrobras. Estudo da consultoria Page Group mostra que o salário de um CEO em uma empresa com faturamento acima de R$ 1 bilhão era de no mínimo R$ 80 mil no ano passado. No ano passado, a petroleira brasileira teve uma receita líquida de R$ 512 bilhões e um lucro de R$ 124,6 bilhões.
Entre as empresas do setor no Brasil, os salários também são elevados. A Petroreconcavo (RECV3) previa, no ano passado, um pagamento de R$ 28,1 milhões aos cinco diretores estatutários, o que inclui o presidente. Esse montante envolve a remuneração mensal, participação nos lucros e distribuição de ações.
No caso da 3R Petroleum (RRRP3), o valor previsto era de R$ 24,1 milhões para três executivos e, na Prio (PRIO3), R$ 76,9 milhões para os três diretores estatutários – R$ 62 milhões referente a ações.
Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas.

Uma resolução da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) prevê que todas as companhias abertas divulguem no formulário de referência dados sobre a remuneração dessas empresas, incluindo as remunerações mínima, máxima e média pagas à diretoria.

Continua depois da publicidade

No entanto, nem todas mantém os dados atualizados, já que há uma disputa na Justiça, encabeçada pelo Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças do Rio de Janeiro, para que essas informações não sejam divulgadas. A alegação é que essas informações violariam a privacidade dos executivos e colocaria a segurança dos diretores em risco.