Engenharia

Priner (PRNR3) lucra 66,8% a menos no 4º trimestre, a R$ 5,5 milhões, com maior base de comparação

A receita da empresa somou R$ 119,5 milhões entre outubro e dezembro, alta de 75,7% na comparação com igual etapa de 2020

Por  Equipe InfoMoney -

A Priner (PRNR3), empresa de serviços de engenharia de manutenção industrial, registrou lucro líquido de R$ 5,545 milhões no quarto trimestre de 2021 (4T21), o que representa um recuo de 66,8% em relação ao mesmo trimestre de 2020. Um ano antes, o lucro somou R$ 16,716 milhões.

Segundo a empresa, o resultado líquido do 4º trimestre foi influenciado pela base de comparação, já que no 4º trimestre de 2020 houve um saldo positivo de R$ 17,309 milhões na linha de IR e CSSL Diferidos, enquanto no mesmo intervalo de 2021 somou R$ 3,041 milhões (-82,4%). Já na linha de IR e CSSL Correntes houve queda de 90,5%.

Dessa forma, a linha de lucro Antes do Imposto de Renda (LAIR) somou R$ 2,639 milhões no quarto trimestre do ano passado, uma alta de 214,6% sobre igual intervalo de 2020.

No acumulado do ano passado, a empresa registrou lucro de R$ 14,499 milhões, revertendo prejuízo de R$ 3,096 milhões de 2010, e gerando uma margem de 3,3%.

Segundo a Priner, a melhoria do lucro líquido em 2021 foi ocasionada pelo crescimento dos resultados operacionais e financeiros.

A companhia destacou ainda houve distribuição de R$ 3,6 milhões a título de dividendos e Juros sobre Capital Próprio no ano passado.

Enquanto isso, a empresa destacou o fluxo de caixa antes dos investimentos e recompra de ações de R$ 15,4 milhões, encerrando o período com Posição Financeira Líquida de R$ 16,1 milhões e disponibilidades de R$ 76,6 milhões.

Mais sobre balanço do 4T da Priner (PRNR3)

O lucro antes juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) cresceu 12,2% no último trimestre do ano passado, totalizando R$ 9,1 milhões.

Já a margem Ebitda ajustado atingiu 7,6% no período, baixa de 4,3 p.p. frente a margem registrada em 4T20.

A receita líquida somou R$ 119,5 milhões entre outubro e dezembro do ano passado, alta de 75,7% na comparação com igual etapa de 2020.

O lucro bruto totalizou R$ 16,4 milhões no 4T21, crescimento de 30,9% em relação ao mesmo trimestre de 2020.

A margem bruta atingiu 13,7% no último trimestre de 2021, baixa de 4,7 p.p. na comparação anual.

O retorno sobre o capital investido (ROIC, na sigla em inglês) foi de 6,3% no quarto trimestre, uma elevação de 8 pontos percentuais na comparação com igual etapa de 2020.

O indicador de alavancagem financeira, medido pela dívida líquida/Ebitda ajustado, ficou em -0,4 vez em dezembro/21, contra -3,1 vezes em relação ao mesmo período de 2020.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe