Orçamento: legumes, verduras e carnes ficam 4,79% mais baratos em abril

Destaques ficaram com o tomate (-46,29%), feijão (-15,30%), carne de frango (-12,03%) e carne suína (-8,47%)

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – Os produtos agropecuários, como os legumes, verduras, frutas e carnes, pesaram 4,79% menos no bolso do consumidor paulista no final do quarto mês do ano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto de Economia Agrícola (IEA), órgão da Secretária de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

De acordo com a entidade, essa redução se deve à queda de 5,29% verificada nos itens de origem vegetal e de 3,75% nos de origem animal.

Destaques

Em abril, dos 19 produtos pesquisados, 4 registraram alta de preços (sendo dois de origem vegetal e dois de origem animal) e 15 tiveram queda (dos quais 11 eram do segmento vegetal e 4 da área animal).

O principal destaque negativo ficou com o tomate, cujo preço caiu 46,29% em média, por conta do aumento da oferta e da retração da demanda. E, segundo o IEA, o custo do produto deve se manter em baixa nas próximas semanas.

Além do tomate, o feijão (-15,30%), a carne de frango (-12,03%), a carne suína (-8,47%) e os ovos (-6,42%) tiveram variações significativas. Por outro lado, o leite tipo C (2,86%) e o trigo (+1,35%) ficaram mais caros.

Compartilhe