Defaults

Moody’s diz que Rússia enfrenta “evento de default” ao não pagar US$ 100 milhões

A Moody’s considera como “provável” futuros defaults do país.

Por  Estadão Conteúdo -

A Moody’s classifica como um “evento de default” a falta de pagamento de US$ 100 milhões em cupons referentes a dois títulos de dívida em moeda estrangeira da Rússia. Os credores dos papéis não receberam os recursos após o fim do período de carência de 30 dias na segunda-feira, 27.

A agência lembra, que em 25 de maio, o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos havia suspendido uma licença temporária que permitia o processamento das transações com investidores. Desde então, Moscou emitiu um decreto que determinava o pagamento do passivo em rublos.

“Mantivemos a opinião de que provavelmente trataríamos pagamentos em rublos como um default para títulos que não permitem tal redenominação nos termos contratuais”, explica a Moody’s.

A instituição acrescenta que já havia declarado duas inadimplência em dívidas sem rating emitidas pelo Kremlin desde o início da invasão da Ucrânia.

A Moody’s considera como “provável” futuros defaults do país.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe