Fundos quantitativos

Mercado Bitcoin deve lançar gestora quantitativa de criptomoedas

2TM, dona da exchange, negocia com gestora de fundos quantitativos Giant Steps

Por  Paulo Alves

O grupo 2TM, dono da exchange de criptomoedas Mercado Bitcoin, negocia com a Giant Steps o lançamento de uma gestora de criptoativos com foco em estratégia quantitativa, confirmou a 2TM ao InfoMoney. A informação foi publicada primeiro pela Bloomberg, citando pessoas a par do assunto.

Especializada em fundos quantitativos, a Giant Steps é uma gestora com cerca de R$ 7 bilhões sob gestão e é líder nesse segmento no Brasil, com 100 mil investidores cadastrados. O acordo com a 2TM envolveria a incorporação de fundos quantitativos da Giant, e uma participação minoritária da gestora no negócio.

Um desses fundos seria o Satoshi, um fundo long biased (que aposta na alta) que opera futuros de Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH).

A gestão quantitativa se caracteriza pelo uso de algoritmos no lugar de análises e interpretações de analistas.

Segundo a Giant, o mercado mercado de fundos quantitativos vem apresentando altas taxas de crescimento nos últimos anos, mas ainda engatinha no Brasil. Enquant oito das 10 maiores gestoras do mundo seguem essa estratégia, no Brasil o número não passa de 2% do total de patrimônio em fundos.

Em junho do ano passado, a XP adquiriu uma participação minoritária na gestora, com planos de expandir a atuação da empresa no Brasil e internacionalmente.

A 2TM, por sua parte, dá sequência no esforço de expandir sua atuação no mercado cripto. Além do Mercado Bitcoin, o grupo é dono da firma de negociação de balcão MezaPro, da plataforma de tokens de equity ClearBook, da custodiante Bitrust e da gestora especializada em planejamento financeiro ParMais.

Segundo divulgado pelo Estadão no final de março, a Coinbase, maior exchange de criptoativos dos EUA, estaria próxima de anunciar a aquisição da 2TM. As empresas não comentam o assunto.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe