Fortuna de US$ 50,27 bi

Magnata do mercado de luxo se torna o 2° homem mais rico da Europa após anunciar compra da Christian Dior

Fortuna de Bernard Arnault, presidente do conselho da LVMH, cresceu em US$ 4 bilhões com o anúncio da compra da marca de luxo

Por  Paula Barra -

SÃO PAULO – O magnata do mercado de luxo Bernard Arnault, presidente do conselho da LVMH, que inclui a marca Louis Vuitton, se tornou o segundo homem mais rico da Europa após anunciar ontem a compra dos 26% que ainda não detinha da Christian Dior. A oferta ronda em torno de US$ 13 bilhões, com a contrapartida oferecida em dinheiro e ações da Hermès International.

Segundo o ranking de bilionários da Bloomberg, a fortuna de Arnault cresceu em US$ 4 bilhões após o anúncio, atingindo a impressionante cifra de US$ 50,27 bilhões. Com a oferta, as ações Christian Dior dispararam 13% na bolsa de Paris ontem, enquanto os papéis da LVMH subiram 4,5%.

A corrida em torno das ações da Christian Dior ocorreu devido ao prêmio que será pago por ação. Pela oferta, cada ação da empresa foi avaliada em 260 euros por ação, representando prêmio de 14,6% frente ao valor de fechamento da última segunda-feira, quando encerraram cotadas a 226,85 euros.

Ao oferecer um prêmio de 15% pela posse de ações residual, a família Arnault espera alcançar o antigo objetivo de assumir o controle total da Dior, sem ser acusada de tentar obtê-lo de forma barata. A família Arnault está usando os restos de seus ativos na Hermès International como moeda de aquisição para comprar a companhia controladora da Dior. Como as ações da Hermès estão perto de picos recorde, este é um bom momento para extrair aquela última ficha.

Veja abaixo o gráfico com a fortuna de Arnault:

Compartilhe