Economatica

JBS supera Petrobras pela primeira vez e registra maior receita trimestral do Brasil; confira o ranking

Segundo levantamento da Economatica, desde 1998 a Petrobras não perde o posto de empresa com maior receita do País

arrow_forwardMais sobre
Fábrica da JBS
(divulgação)

SÃO PAULO – Diante dos impactos da pandemia do coronavírus, pela primeira vez na história a JBS (JBSS3) superou a Petrobras (PETR3; PETR4) como a empresa que teve a maior receita em um trimestre, segundo informações da consultoria Economatica.

O frigorífico comandado pela família Batista fechou o segundo trimestre com uma receita líquida de R$ 67,6 bilhões, contra R$ 50,9 bilhões registrados pela estatal petrolífera.

Esta inversão dos ganhos das duas empresas se deu exatamente por conta do impacto da crise da Covid-19: de um lado, a Petrobras viu o preço do petróleo e a demanda por combustíveis desabarem, enquanto a JBS, com grandes operações no Estados Unidos, acabou favorecida principalmente pela disparada do dólar ante o real.

PUBLICIDADE

De acordo com a Economatica, desde 1998 a Petrobras não perde o posto de empresa com maior receita do País. As duas últimas vezes que isso ocorreu foram no quarto trimestre de 1997 e no primeiro trimestre de 1998, quando a Telebras (TELB3; TELB4) ficou com a primeira posição.

Entre abril e junho, a petroleira estatal viu sua receita com vendas cair 29,9%, enquanto o Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado caiu 23,5%, para R$ 24,986 bilhões, tudo isso por conta da pandemia e queda do petróleo. O resultado foi uma reversão do lucro líquido de um ano atrás para um prejuízo líquido de R$ 2,7 bilhões.

Enquanto isso, a JBS conseguiu um aumento expressivo de 32,9% em sua receita na comparação anual, com o Ebitda mais que dobrando e chegando a R$ 10,49 bilhões. Diante disso, o lucro líquido da empresa avançou 54,8% e ficou em R$ 3,38 bilhões no segundo trimestre.

No levantamento da Economatica, a mineradora Vale (VALE3) aparece em terceiro lugar, com uma receita de R$ 40,43 bilhões entre abril e junho, impulsionada pela recuperação da China, que ajudou também o minério de ferro a ter valorização de 15,9% no período.

Confira o ranking:

EmpresaReceita líquida
JBSR$ 67,58 bilhões
PetrobrasR$ 50,89 bilhões
ValeR$ 40,43 bilhões
Pão de AçúcarR$ 20,76 bilhões
MarfrigR$ 18,88 bilhões
Carrefour BrasilR$ 16,79 bilhões
UltraparR$ 15,87 bilhões
BR DistribuidoraR$ 14,88 bilhões
AmbevR$ 11,61 bilhões
BraskemR$ 11,18 bilhões

Fonte: Economatica

PUBLICIDADE

Regra dos 10 tiros: aprenda a fazer operações simples que podem multiplicar por até 10 vezes o capital investido. Inscreva-se!