Bolsa

Ibovespa perde força junto com exterior e vira para queda perto do fim do pregão

Mercado tem um dia mais calmo diante do arrefecimento das tensões no Oriente Médio

Fonte: reprodução

SÃO PAULO – O Ibovespa perde força nesta sexta-feira (10) pressionado pelo desempenho negativo registrado pelas bolsas americanas perto do fim do pregão. Mais cedo, o índice brasileiro subia após o Departamento de Trabalho dos Estados Unidos revelar que foram criados 145 mil empregos em dezembro, abaixo da expectativa mediana dos economistas compilada no consenso Bloomberg, que apontava para criação de 160 mil novas vagas no período. O dado veio menor que as 266 mil vagas de novembro, portanto.

Números negativos nos EUA nem sempre são absorvidos mal aqui, pois podem encorajar os membros do Federal Reserve, o banco central do país, a cortar juros para estimular a economia. Isso aumenta o diferencial de juros entre o Brasil e os EUA, tornando ativos brasileiros mais atrativos ao investidor estrangeiro.

Por aqui, a retração da produção industrial em novembro veio pior que o esperado ontem, mas a inflação acima do esperado hoje desarma as expectativas de que o ciclo de cortes de juros promovido pelo Banco Central possa continuar.

PUBLICIDADE

Divulgado hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu para 1,15% em dezembro, acima do consenso Bloomberg, que apontava para um avanço de 1,08%. No ano, o IPCA subiu 4,31%, levemente acima do centro da meta do Conselho Monetário Nacional (CMN) de 4,25%.

Às 16h39 o Ibovespa cai 0,15% a 115.762 pontos. Enquanto isso, o dólar comercial cai 0,12% a R$ 4,0811 na compra e a R$ 4,0816 na venda. O dólar futuro com vencimento em fevereiro tinha queda de 0,27% a R$ 4,088.

No mercado de juros futuros o DI para janeiro de 2022 subia quatro pontos-base a 5,15%, o DI para janeiro de 2023 avançava dois pontos a 5,68% e o DI para janeiro de 2025 tem alta de um ponto-base, a 6,38%.

Apesar das informações de que pode ter sido o Irã quem derrubou o avião ucraniano na última quarta, deixando 176 mortos, o ambiente geopolítico está mais tranquilo desde que o presidente americano, Donald Trump, resolveu responder com sanções e não com uma escalada militar o bombardeio iraniano a duas bases do Iraque na qual atuavam soldados americanos.

Trump disse que o Irã está se acalmando e descartou uma guerra. Com isso, o conflito no Oriente Médio sai do radar e volta a impactar os mercados a expectativa pela assinatura do acordo comercial entre EUA e China, esperado para o dia 15, mas que pode sofrer atrasos no cronograma.

Ainda sobre o presidente americano, a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou resolução com o objetivo de limitar a capacidade de Trump de realizar mais ações militares contra o Irã.

PUBLICIDADE

Os democratas, da oposição, acusam Trump de elevar o risco de uma guerra, argumentando que o presidente é obrigado, por lei, a consultar o Congresso “em todas as instâncias possíveis” antes de autorizar o uso da força.

Noticiário corporativo 

Os bancos receberam mais uma má notícia hoje. O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou em entrevista ao Globo que quer reduzir a taxa do cheque especial para 2% ao mês. Em dezembro, a Caixa já havia reduzido a taxa do cheque especial de 4,99% ao mês para 4,95% para clientes que recebem seus salários na instituição.

A operadora de saúde Notre Dame Intermédica, da capital paulista, informou ontem que recomprará 458,3 milhões de ações ordinárias que estão no mercado. A compra irá até julho deste ano e a empresa escolheu a corretora do Citigroup Brasil para fazer a operação.

Já o banco digital Inter comunicou ontem seus resultados ao mercado e informou que atingiu 4,1 milhão de clientes, uma expansão de 180% na base em comparação a 2018.

A Camil, por sua vez encerrou o terceiro trimestre de seu ano fiscal 2019, encerrado em 30 de novembro, com um lucro líquido de R$ 66,1 milhões. Na comparação com o lucro líquido ajustado de igual período de 2018 (que exclui o efeito de receitas e despesas não recorrentes), a baixa foi de 7,9%.

(Com Agência Brasil)

Invista contando com a melhor assessoria do mercado: abra uma conta gratuita na XP.