Fechamento

Ibovespa fecha em alta de 2,5%, melhor desempenho em um mês, e volta aos 97 mil pontos; dólar cai a R$ 5,58

Mercado encerra o pregão com fortes ganhos na esteira do noticiário corporativo e do bom humor internacional

Ações em alta (Crédito: Shutterstock)
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Ibovespa fechou em forte alta nesta quinta-feira (8) seguindo o bom humor internacional e a disparada das ações de bancos, que foram recomendadas pelo UBS BB. As ações da Petrobras, por sua vez, completaram o dia de otimismo graças ao aumento nos preços do petróleo no mercado internacional.

As units do Santander (SANB11), os papéis do Itaú (ITUB4), do Bradesco (BBDC3; BBDC4) e do Banco do Brasil (BBAS3) tiveram forte alta de até 8%. Para os analistas, a expectativa é de que os resultados do terceiro trimestre mostrem uma melhora da rentabilidade das instituições.

Juntos, os ativos da petroleira e das instituições financeiras respondem por 24,22% da carteira teórica do benchmark. Para ler mais destaques de ações clique aqui.

Aprenda a investir na bolsa

Diante desse cenário, o Ibovespa teve alta de 2,51%, aos 97.919 pontos com volume financeiro negociado de R$ 25,904 bilhões. Foi a maior alta diária do índice desde 1º de setembro, quando o benchmark disparou 2,82%.

Com os ganhos de hoje, o principal índice acionário da B3 registrou seu maior patamar de fechamento desde 18 de setembro, data em que terminou o pregão cotado a 98.289 pontos.

Lá fora, os investidores continuaram animados pelo mini-pacote de estímulos anunciado ontem pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, totalizando US$ 25 bilhões, apesar das declarações da presidente da Câmara, Nancy Pelosi, negando que aprovará um pacote enxuto, envolvendo apenas companhias aéreas. Os índices Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq subiram 0,43%, 0,8% e 0,5% respectivamente.

No dia anterior, Trump havia freado as negociações para um acordo entre democratas e republicanos a respeito de um pacote trilionário de estímulos contra os impactos econômicos do coronavírus. Hoje, porém, o presidente americano disse que as negociações desse acordo foram retomadas, surpreendendo o mercado.

O que mais mexeu diretamente no Brasil, contudo, foi o petróleo, que subiu após cair na véspera. Ontem, diversas plataformas de petróleo foram evacuadas no Golfo do México por conta da aproximação do furacão Delta. Calcula-se que a paralisação resulte 1,5 milhões de barris que não serão produzidos por dia.

Com isso, o barril do Brent – usado como referência pela Petrobras – subiu 3,36% a US$ 43,40 e o barril do WTI avançou 3,2% a US$ 41,23.

PUBLICIDADE

Já no noticiário doméstico, chamou atenção a declaração de Bolsonaro de que a palavra final da Economia compete a ele e ao ministro Paulo Guedes. Anteriormente, ele havia dito que só quem decidia era Paulo Guedes.

No entanto, Bolsonaro reafirmou que tem uma “lealdade mútua” com o ministro. Na tarde de ontem, Guedes acalmou o mercado ao dizer que não existem planos de prorrogar o estado de calamidade para além de dezembro deste ano nem para estender o Auxílio Emergencial até junho de 2021.

Enquanto isso, o dólar comercial encerrou a sessão em queda de 0,62% a R$ 5,587 na compra e a R$ 5,588 na venda. O dólar futuro com vencimento em novembro registrava perdas de 0,3%, a R$ 5,60 no after-market.

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2022 caiu cinco pontos-base a 3,21%, o DI para janeiro de 2023 recuou oito pontos-base a 4,68%, o DI para janeiro de 2025 teve queda de nove pontos-base a 6,58% e o DI para janeiro de 2027 registrou variação negativa de cinco pontos-base a 7,55%.

Outro destaque político foi a declaração feita pelo presidente Bolsonaro sobre a Operação Lava Jato. Ele disse que acabou com a operação porque, segundo ele “não há mais corrupção no governo”.

A afirmação foi uma resposta às críticas de lavajatistas por ter se aproximado de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) que se posicionam contrários à operação tocada pelo ex-juiz Sérgio Moro, de acordo com o Estadão.

Entre os indicadores, as vendas no varejo cresceram 3,4% em agosto frente a julho, mostrou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A expectativa mediana dos economistas compilada pelo consenso Bloomberg era de expansão de 3%.

Já nos EUA, foram registrados 840 mil pedidos por seguro-desemprego na semana passada, revelou o Departamento de Trabalho. Este número foi um pouco maior do que a mediana das expectativas dos economistas compilada no consenso Bloomberg, que apontava para 820 mil requisições do benefício no período. Na semana anterior, foram registrados 837 mil pedidos de seguro-desemprego.

PUBLICIDADE

Ainda no Brasil, o mercado acompanha as informações de que a disputa pelo comando da Câmara dos Deputados a partir de 2021 está atrapalhando a instalação da Comissão Mista de Orçamento (CMO).

Com isso, existe um receio de que falte base legal para o governo pagar suas despesas a partir de janeiro. De acordo com o Estadão, a comissão ainda ainda precisa votar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2021 – passo prévio ao exame do próprio Orçamento.

Atenção para o debate dos candidatos a vice-presidente nos EUA ontem à noite. A senadora democrata Kamala Harris, candidata a vice-presidente na chapa de Joe Biden, se saiu melhor no debate contra o republicano Mike Pence.

O encontro, que foi mais civilizado que o da semana passada entre Trump e Biden. O debate ficou focado bastante nos impactos da pandemia do coronavírus e a democrata conseguiu se aproveitar, com destaque para o momento em que ela disse que o atual governo escondeu da população que sabia da doença já em janeiro.

O ponto fraco de Kamala Harris foi exposto na pergunta se os democratas pretendem ou não aumentar o número de juízes da Suprema Corte. Pence ainda aproveitou para fazer duros ataques contra a China, culpando o país pelos estragos provocados pela Covid-19.

Afirmou que Trump interrompeu todos os voos com origem na China, como forma de frear a pandemia, e acusou Biden de ter sido contra a iniciativa. Veja mais clicando aqui.

Acordo Mercosul-UE

Outro tema de destaque são as relações internacionais do país. Depois de o Parlamento Europeu refutar ontem acordo entre União Europeia e Mercosul por preocupações com a política ambiental do Brasil, o governo brasileiro disse que a manifestação tem “cunho político”, sem efeitos reais sobre o processo legal de apreciação do tratado, segundo o Estadão.

Em nota divulgada pelo Ministério da Economia, o governo disse “acompanhar com atenção” a manifestação dos membros do Parlamento Europeu durante a aprovação do relatório de 2018 sobre a implementação da política comercial comum entre os dois blocos. O acordo entre União Europeia e Mercosul foi fechado em junho de 2019 após vinte anos de negociações marcadas por idas e vindas.

Corrupção

PUBLICIDADE

No Brasil, outro destaque é a declaração feita pelo presidente Bolsonaro sobre a Operação Lava Jato. Ele disse que acabou com a operação porque, segundo ele “não há mais corrupção no governo”.

A declaração foi uma resposta às críticas de lavajatistas por ter se aproximado de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) que se posicionam contrários à operação tocada pelo ex-juiz Sérgio Moro, de acordo com o Estadão.

Ainda sobre a Lava Jato, o Supremo Tribunal Federal decidiu ontem que as ações criminais em curso na corte voltarão a ser julgadas pelo plenário do tribunal. Assim, a análise dos processos da Lava Jato sairão da Segunda Turma, que tem imposto sucessivas derrotas à operação, de acordo com a Folha.

O ministro Luiz Fux é um defensor da operação e esta foi a primeira vitória dele na presidência do Supremo contra a ala da corte que critica os métodos da Lava Jato.

Além disso, a Folha informou que o presidente Bolsonaro fez uma doação irregular em dinheiro vivo para a campanha deste ano de reeleição de seu filho Carlos Bolsonaro à Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

De acordo com dados concedidos pelo candidato ao Tribunal Superior Eleitoral, o presidente fez um depósito de R$ 10 mil em espécie na conta da campanha do vereador. A prática, da forma como descrita, contraria resolução do ano passado do TSE sobre regras para as doações eleitorais.

O jornal destacou ainda que o Tribunal de Contas da União abriu uma apuração para averiguar a contratação de um escritório de advocacia ligado ao juiz federal Kassio Nunes para prestar serviços à antiga Companhia Energética do Piauí, hoje Equatorial Piauí.

Auditores da corte apontaram irregularidades por falta de licitação. Nunes é indicado do presidente Jair Bolsonaro à vaga de Celso de Mello no Supremo Tribunal Federal.

Ainda sobre Kassio Nunes, foi noticiado pelo Estadão que a dissertação de mestrado feita apresentada por ele em 2015 à Universidade Autônoma de Lisboa, em Portugal, traz trechos idênticos a publicações feitas por outro autor, o advogado Saul Tourinho Leal.

Radar corporativo

No noticiário corporativo, os investidores acompanham a precificação da oferta inicial de ações do Grupo Mateus, que ocorre hoje. Além disso, a Copel informou que vai fazer um plano de demissão incentivada que pode chegar a 930 funcionários, gerando economia anual de R$ 168,7 milhões a partir de 2021.

Maiores altas

AtivoVariação %Valor (R$)
IRBR319.72057.71
SANB118.3245530.84
ITUB46.2114524.11
BBDC35.6686819.2
RENT35.3963859.96

Maiores baixas

AtivoVariação %Valor (R$)
USIM5-2.5495810.32
BTOW3-1.6134587.2
ELET3-1.4367830.87
BRKM5-1.0801121.98
GOAU4-0.997019.93

Já a TIM vai distribuir R$ 500 milhões em juros sobre capital próprio, enquanto a PetroRio divulgou dados de produção de setembro. A produção diária total ficou em 32.938 barris de óleo equivalente por dia (boed), maior volume mensal registrado em 2020. Além disso, chama atenção a informação de que o BNDES pretende vender R$ 2 bilhões em debêntures da Vale até o início do próximo ano.

Semana dos Vencedores: aprenda a fazer operações com potencial de ganho de R$ 50 a R$ 500, operando apenas 10 minutos por dia, em um workshop gratuito!