Feriado em SP com Bolsa aberta, Lula na Bolívia, reforma tributária e mais destaques

Deputados retomam taxação de previdência privada em herança na reforma tributária

Felipe Moreira

B3  Bovespa  Bolsa de Valores de São Paulo  (Germano Lüders/InfoMoney)
B3 Bovespa Bolsa de Valores de São Paulo (Germano Lüders/InfoMoney)

Publicidade

Com agenda esvaziada e liquidez reduzida em função do feriado de 9 de julho, que fecha bancos em São Paulo nesta terça-feira (9), mas deixa a B3 aberta, investidores acompanham os esforços do parlamentares para votação da regulamentação da reforma tributária e falas de Lula na Bolívia.

Na véspera, o deputado federal Pedro Campos (PSB-PE) afirmou que está pronto para ser submetido ao plenário da Câmara o relatório do Grupo de Trabalho do Comitê Gestor e Distribuição da Receita do Imposto sobre Bens e Serviços (IBS). Campos salientou que a decisão depende do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL).

Já o presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem reuniões com presidente da Bolívia, Luis Arce, e depois fará declaração à imprensa a partir das 11h30. Enquanto isso, a investigação da Polícia Federal aponta indícios de lavagem de dinheiro pelo ex-presidente Bolsonaro.

Continua depois da publicidade

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de crescimento para os próximos meses e anos

Agenda

A agenda desta terça-feira (9) não tem indicadores relevantes previstos.

9h: Lula tem reunião bilateral com o Presidente da Bolívia, Luis Arce

Continua depois da publicidade

10h: Lula tem reunião ampliada com o Presidente do Estado Plurinacional da Bolívia, Luis Arce

10h: Haddad se reúne com Juscelino Filho, Ministro das Comunicações

11h30: Lula fará declaração à imprensa

Continua depois da publicidade

11h30: Haddad tem reunião com Margareth Menezes, Ministra da Cultura

Relator retoma taxação de previdência privada em herança na reforma tributária

Os deputados que compõem o segundo grupo de trabalho de regulamentação da reforma tributária buscam um “meio-termo” para a cobrança do imposto de herança sobre planos de previdência privada, como PGBL e VGBL. O tema constava da minuta do projeto de lei complementar elaborada pelo Ministério da Fazenda, mas foi retirado após repercussão negativa.

O assunto é de grande interesse dos governadores, que administram o Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD) – incidente na transmissão de bens a herdeiros. Alguns Estados, como Minas Gerais, já fazem esse tipo de cobrança sobre planos de previdência, mas não há regra unificada nacionalmente e sobram questionamentos na Justiça.

Continua depois da publicidade

Bolsonaro ganhou dinheiro vivo de esquema para desviar quase R$ 7 mi em joias, diz PF

O ex-presidente Jair Bolsonaro utilizou-se do cargo que ocupava no comando do país para, junto com uma “organização criminosa”, desviar e vender joias recebidas como presentes de Estado, avaliadas em quase R$ 7 milhões, disse a Polícia Federal em relatório enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF) e tornado público na segunda.

 

Radar Corporativo

Petrobras (PETR4)

O preço do litro da gasolina subirá em R$ 0,20 para as distribuidoras nesta terça, enquanto o botijão de 13 kg de GLP deverá ser elevado, em média, em R$ 3,20.

Iguatemi (IGTI11)

A Iguatemi (IGTI11) anunciou a assinatura de um acordo de investimento com a Combrashop para comprar 17% de participação no Shopping Rio Sul, no Rio de Janeiro, e, posteriormente, assumir a administração do empreendimento.

Continua depois da publicidade

(Com Estadão, Reuters e Agência Brasil)