Conteúdo editorial apoiado por

Entenda como usar suporte e resistência em médias móveis e Bandas de Bollinger

Médias Móveis ajudam a suavizar as flutuações de preço para identificar tendências; Bandas de Bollinger ajudam a medir a volatilidade

Bruno Nadai

Publicidade

A análise técnica é uma ferramenta fundamental no arsenal de qualquer investidor ou trader do mercado financeiro. Essa análise foca no estudo dos gráficos de preço e volume de negociações, buscando identificar padrões e tendências que possam indicar o futuro movimento dos mercados.

Dentro desse universo, os dois indicadores mais utilizados são as Médias Móveis e as Bandas de Bollinger. Ambos fornecem informações cruciais sobre o momento atual do mercado e podem servir como importantes níveis de suporte e resistência, orientando decisões de compra e venda.

As Médias Móveis ajudam a suavizar as flutuações de preço para identificar tendências, enquanto as Bandas de Bollinger (que consistem em uma média móvel, uma banda inferior e uma banda superior) ajudam a medir a volatilidade e potenciais pontos de reversão de mercado.

Continua depois da publicidade

Juntas, essas ferramentas podem fornecer uma imagem robusta da dinâmica do mercado, auxiliando investidores a fazerem escolhas mais embasadas.

Suporte e resistência

Antes de falarmos sobre os indicadores, vale ressaltar que o suporte e a resistência são conceitos fundamentais na análise técnica, que descrevem níveis específicos de preço,  onde a oferta e a demanda de um ativo tendem a interagir.

Suporte: É um nível de preço no qual espera-se que um ativo encontre dificuldade de ultrapassar para baixo devido à presença de compradores que estão dispostos a comprar o ativo nesse preço – o que tende a “sustentá-lo” ou “apoiá-lo”, evitando uma queda maior.

Continua depois da publicidade

Resistência: É um nível de preço no qual espera-se que um ativo encontre dificuldade de ultrapassar para cima devido à presença de vendedores que estão dispostos a vender o ativo nesse preço – o que tende a “resistir” ou “limitar” seu avanço.

Esses níveis são frequentemente identificados visualmente em um gráfico de preços, onde os pontos em que o preço toca ou reverte a partir desses níveis são considerados importantes para os traders e investidores, pois podem indicar oportunidades de entrada ou saída do mercado.

Podemos observar que esses pontos de suporte e resistência são estáticos, pois são regiões fixas de preços demarcadas nos gráficos.

Continua depois da publicidade

Médias Móveis na Análise Técnica

As Médias Móveis são um dos indicadores técnicos mais antigos e mais utilizados pelos traders e analistas para identificar a direção da tendência do mercado. A simplicidade e eficácia das Médias Móveis tornam-nas uma ferramenta indispensável na caixa de ferramentas de qualquer investidor.

Existem diferentes tipos de Médias Móveis, mas as duas mais comuns são a Média Móvel Simples (MMS) e a Média Móvel Exponencial (MME)

Utilizando Médias Móveis como suporte e resistência

A aplicação das Médias Móveis na identificação de suporte e resistência é um dos métodos mais eficazes na análise técnica. Vamos considerar um cenário de uso prático:

Continua depois da publicidade

Identificação de Tendências: A direção da média móvel pode ajudar a identificar a tendência geral do mercado. Uma MM ascendente sugere uma tendência de alta, enquanto uma MM descendente indica uma tendência de baixa.

Suporte em Tendências de Alta: Durante uma tendência de alta, a média móvel atua como um suporte dinâmico. Os preços tendem a voltar na média móvel antes de continuar seu movimento ascendente. Traders observam esses testes como potenciais pontos de compra.

No gráfico de 1 min de mini-índice futuro (WINJ24) acima observamos como a média móvel pode ser utilizada como um suporte dinâmico quando o ativo se encontra em uma tendência de alta com a média móvel inclinada para cima.

Podemos observar que no momento em que a média começa a perder sua inclinação para cima ficando na horizontal, a tendência de alta está no fim.

Resistência em Tendências de Baixa: De forma inversa, em uma tendência de baixa, a média móvel funciona como uma resistência dinâmica. Os preços tendem a cair após tocar na média móvel, indicando potenciais pontos de venda.

No gráfico de 1 min de mini-índice futuro (WINJ24) acima observamos como a média móvel pode ser utilizada como uma resistência dinâmica quando o ativo se encontra em uma tendência de baixa com a média móvel inclinada para baixo.

Exemplo Prático: Imagine um ativo cuja Média Móvel de 50 dias esteja em uma trajetória ascendente no gráfico. Quando o preço do ativo se aproxima dessa média, mas não a rompe, e depois inicia um movimento ascendente, a MM de 50 dias atuou como suporte. Esse momento pode ser interpretado como uma oportunidade de compra antes da continuação da tendência de alta.

Bandas de Bollinger na Análise Técnica

As Bandas de Bollinger, criadas por John Bollinger nos anos 1980, são outro instrumento popular entre os analistas técnicos. Essas bandas consistem em três linhas: a banda do meio é uma Média Móvel (geralmente uma MMS de 20 dias), enquanto as duas outras linhas (a superior e a inferior) são desvios padrão dessa banda central.

As Bandas de Bollinger se ajustam de acordo com a volatilidade do mercado – elas se expandem em períodos de alta volatilidade e se contraem durante períodos de baixa volatilidade. Essa característica as torna extremamente úteis para identificar o estado do mercado e possíveis pontos de entrada e saída.

Utilizando Bandas de Bollinger como suporte e resistência

As Bandas de Bollinger proporcionam uma visão mais complexa das possíveis áreas de suporte e resistência, oferecendo insights sobre a volatilidade do mercado:

Volatilidade e Faixas de Negociação: Quando as bandas se expandem, a volatilidade do ativo é alta; quando se contraem, a volatilidade é baixa.

Quando o preço toca a banda superior, isso pode ser um sinal de que o ativo está sobrecomprado e pode estar prestes a reverter para a banda central. Por outro lado, quando o preço toca a banda inferior, isso pode indicar que o ativo está sobrevendido e o preço pode voltar para a banda central.

Suporte na Banda Inferior: Em uma tendência de alta, a banda inferior frequentemente serve de suporte. Preços que se aproximam ou tocam a banda inferior e depois se movem para cima indicam uma área de compra em potencial.

No gráfico de 5 min de mini-índice futuro (WINJ24) acima identificamos pontos de suporte quando o ativo toca ou se aproxima das bandas inferiores, sinalizando possíveis pontos de compra.

Resistência na Banda Superior: Em uma tendência de baixa, a banda superior pode atuar como resistência. Preços que alcançam a banda superior e depois recuam podem sinalizar uma oportunidade de venda.

No gráfico de 5 min de mini dólar futuro acima identificamos pontos de resistência quando o ativo toca ou se aproxima das bandas superiores, sinalizando possíveis pontos de venda.

Exemplo Prático: Considere um ativo em tendência de alta, cujo preço toca várias vezes a banda inferior e volta a subir, demonstrando que a banda inferior está atuando como um nível de suporte. Esses pontos de contato podem ser interpretados como momentos oportunos de compra, especialmente se acompanhados por outros indicadores de reversão positiva.

Banda Central (média móvel simples): Já a banda central, que é uma média móvel simples, atua como suporte quando o ativo está em tendência de alta e como resistência quando o ativo está em uma tendência de baixa.

No gráfico de 5 min de mini-índice futuro acima identificamos pontos de suporte quando o ativo toca ou se aproxima da banda central, sinalizando possíveis pontos de compra.

No gráfico de 5 min de mini dólar futuro acima identificamos pontos de resistência quando o ativo toca ou se aproxima da banda central, sinalizando possíveis pontos de venda.

Combinação de Médias Móveis e Bandas de Bollinger

Combinar Médias Móveis com Bandas de Bollinger pode oferecer uma abordagem mais completa e detalhada da análise de mercado. Por exemplo, um trader pode usar uma Média Móvel para determinar a direção da tendência e então usar as Bandas de Bollinger para encontrar pontos de compra e venda dentro dessa tendência.

Um método comum é entrar em uma posição quando a tendência é confirmada pela Média Móvel e o preço toca a banda de Bollinger correspondente à direção da tendência (por exemplo, comprar em uma tendência de alta quando o preço toca a banda inferior). Isso permite que os traders combinem a tendência com a volatilidade para tomar decisões de negociação melhor informadas.

Observe que no gráfico de 5 min de mini-índice futuro (WINJ24) acima a MME50 está inclinada para cima sinalizando uma tendência de alta.

No momento em que o preço toca a banda inferior e respeita a MME50, temos uma confirmação saudável de um ponto de compra, que além de estar dentro da volatidade das bandas também respeitou uma média móvel fortalecendo o sinal de compra.

Observe que no gráfico de 5 min de mini-índice futuro (WINJ24) acima a MME50 está inclinada para baixo sinalizando uma tendência de baixa.

No momento em que o preço se aproxima ou toca a banda superior e respeita a MME50, temos uma confirmação saudável de um ponto de venda, que além de estar dentro da volatilidade das bandas também respeitou uma média móvel fortalecendo o sinal de venda.

Essas técnicas, quando empregadas corretamente, podem fornecer insights valiosos sobre o momento de entrar ou sair de uma posição, maximizando potenciais lucros e minimizando riscos.

No entanto, é crucial lembrar que nenhum indicador funciona isoladamente. A análise técnica beneficia-se da combinação de várias ferramentas e da interpretação contextual do mercado.

Assim, traders e investidores devem sempre considerar um conjunto diversificado de indicadores e análises para fundamentar suas decisões.

Além disso, os investidores devem sempre estabelecer limites de perda para proteger contra movimentos de mercado inesperados.

A análise técnica é uma ferramenta valiosa, mas deve ser usada como parte de uma estratégia de investimento mais ampla e equilibrada. Por isso, ao integrar as Médias Móveis e as Bandas de Bollinger em sua análise de mercado, você pode desenvolver uma compreensão mais profunda das tendências de mercado e melhorar suas habilidades de tomada de decisão de investimento.

Guias trader:

Confira mais conteúdos sobre análise técnica no IM Trader. Diariamente, o infomoney publica o que esperar dos minicontratos de dólar e índice. As melhores plataformas para operar na Bolsa. Abra uma conta na XP.