Consensus 2022

Empresas de criptomoedas de Bermudas lançam associação do setor

Primeiro-ministro de Bermudas, David Burt, anunciou a criação da associação durante um painel na Consensus 2022, em Austin, Texas

Por  CoinDesk -

Empresas de criptomoedas licenciadas em Bermudas se uniram para formar a primeira associação da indústria de ativos digitais do país, de acordo com o primeiro-ministro David Burt.

“A formação da primeira associação comercial das Bermudas para negócios de ativos digitais licenciados é um marco significativo no desenvolvimento da indústria de fintech das Bermudas”, disse Burt em comunicado.

O primeiro-ministro anunciou a criação da associação, chamada Next, na Consensus 2022, evento organizado pelo CoinDesk em Austin, Texas.

“[Empresas de criptografia] não buscam mudanças regulatórias porque temos clareza regulatória. É mais sobre como elas podem apoiar o crescimento, apoiar o desenvolvimento, apoiar iniciativas educacionais” para melhorar o meio ambiente, disse Burt ao CoinDesk antes de seu discurso.

O Território Ultramarino Britânico tem procurado se estabelecer como um hub de ativos digitais. Desde o teste de um dólar digital no ano passado até a aprovação de uma licença para seu primeiro banco de ativos digitais, Jewel, na terça-feira, as Bermudas aparentemente estão avançando com seus planos de construir um ecossistema abrangente de criptomoedas.

Atualmente, a Next é composta por 14 empresas de ativos digitais que foram licenciadas pela Bermuda Monetary Authority (BMA), incluindo Apex Group, Bittrex, BlockFi, Circle e a recém-licenciada Jewel.

De acordo com um anúncio compartilhado com o CoinDesk, a missão da associação é ajudar a moldar a legislação de ativos digitais do Território Ultramarino Britânico e apoiar iniciativas para aprimorar seu ecossistema de ativos digitais.

“As empresas de ativos digitais buscam a jurisdição regulatória das Bermudas por causa de seu histórico comprovado, onde há um único regulador que não move a meta das empresas”, disse Tim Reed, membro do comitê cofundador da Next, em um e-mail para o CoinDesk.

A Next planeja ajudar a moldar a legislação em torno de questões específicas, como impostos ou stablecoins, caso a caso, disse Reed. Ele acrescentou que a Next já concluiu sua primeira sessão com a BMA e foi autorizada a fornecer feedback em tempo real antes que uma política sobre “Código de Práticas de Gestão e Custódia de Riscos Cibernéticos Operacionais” fosse finalizada.

“A BMA ficou empolgada com o nível de envolvimento e achou o feedback útil para visualizar suas políticas através de uma lente de negócios coletiva”, disse Reed.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe