Inverno cripto

Crise no Bitcoin faz preços de equipamentos de mineração caírem para menor patamar em quase 2 anos

Queda está ligada ao preço baixo da criptomoeda e às altas dívidas contraídas por mineradoras antes de o mercado esfriar

Por  CoinDesk -

A queda dos mercados continua atingindo fortemente a indústria de mineração de Bitcoin (BTC), com os preços da última geração de equipamentos de mineração caindo para os menores patamares desde 2020.

Máquinas populares como “Antminer S19” e “S19 Pro” da Bitmain, a maior mineradora de Bitcoin do mundo, são vendidas em torno de US$ 20 a US$ 23 por terahash (TH) – um terahash equivale a 1 trilhão de hashes –, de acordo com uma mesa de negociação de ASICs, (circuito integrado de aplicação específica, na tradução para o português).

Para comparação, esses modelos custavam cerca de US$ 40/TH nos últimos meses e chegaram a valer US$ 119/TH no ano passado, de acordo com dados do Hashrate Index, um índice da empresa de mineração Luxor.

O intervalo de preço de US$ 20 a US$ 23/TH é algo que a indústria não vê desde que o Bitcoin alcançou seu preço mais baixo em 2020. Além das unidades “S19”, “S19j” e ‘S19 Pro” da Bitmain, os modelos “Whatsminer M30s”, “M30s+” e “M30s++” da MicroBTC, entre outros, também estão sentindo a queda.

O bear market (ou, simplesmente, mercado em baixa) está sendo agravado pelo recente pedido de falência da Celsius Mining, ligada à plataforma de empréstimos de criptomoedas Celsius Network (CEL).

Ao CoinDesk, uma pessoa familiarizada com o assunto disse que a Celsius Mining leiloou milhares de seus equipamentos de mineração recém-adquiridos em junho, com o primeiro lote de 6 mil unidades sendo vendido por US$ 28/TH e um segundo grupo de 5 mil, por US$ 22/TH.

De acordo com os dados do Hashrate Index, os equipamentos de mineração eram negociados naquele mês entre US$ 50 e US$ 60/TH.

Leia mais:
Custo de produção do Bitcoin cai para US$ 13 mil e ameaça criptomoeda, diz JPMorgan

Um negociante disse ao CoinDesk que os preços médios dos modelos “S19j Pro” mais recentes estão agora sendo vendidos por cerca de US$ 25/TH.

“Com máquinas adicionais chegando ao mercado, esperamos que os preços diminuam de US$ 1 a US$ 2/TH nas máquinas de nova geração”, disse o COO da Luxor, Ethan Vera. “Existem várias empresas de mineração que terão que liquidar parte de suas frotas, pressionando ainda mais os preços do ASIC.”

Ele completou, contudo, que a queda nos preços de equipamentos de mineração pode encontrar algum suporte próximo à taxa atual de mercado. “Vemos uma grande quantidade de ofertas, na faixa de US$ 18 a US$ 20/TH, que fornecerá um nível de resistência aos preços do ASIC na economia atual.”

Por conta da queda nos preços de equipamentos de mineração e diante da continuidade da queda dos mercados, a Bitmain, maior fabricante desse tipo de máquina, começou a oferecer um programa de cupom de recompensa para clientes que atendam a determinados critérios.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe