Conta de luz ficará até 5,3% mais barata no Rio de Janeiro

Para consumidores de menor tensão, como casas, a queda será de 5,3%. Para os de alta tensão, essa proporção será menor, de 4,01%

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – Clientes residenciais e industriais do Rio de Janeiro pagarão menos na conta de luz a partir da próxima quarta-feira (7). A Agência Nacional de Energia Elétrica autorizou, nesta terça-feira (6), o reajuste das tarifas da concessionária Light, que atende 3,8 milhões de unidades consumidoras na capital e em 30 municípios do Estado.

Na média, o barateamento será de 4,79%. Contudo, essa percentagem será diferenciada de acordo com o perfil de consumo: para aqueles de menor tensão, como casas, a queda será de 5,3%. Para os de alta tensão, essa proporção será menor, de 4,01%.

Método de cálculo

De acordo com informativo da Aneel, para calcular esses percentuais foram consideradas as variações de custos que as empresas tiveram no decorrer de 12 meses.

A fórmula inclui custos gerenciáveis, sobre os quais incide o IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado), e custos não-gerenciáveis, como energia comprada de geradoras, taxa de fiscalização e encargos de transmissão.

Em seis anos

Vale lembrar que a tarifa média de energia paga pelo brasileiro quase duplicou em seis anos, de acordo com a Aneel: de 2001 a julho deste ano, o valor passou de R$ 0,15405 Kwh, para R$ 0,30437 Kwh (+ 97,6%).

Compartilhe