Imobiliárias

Citi vê oportunidades em ações de construtoras

Recente retrocesso de papéis abriu espaço para valorização em ativos de empresas com bons fundamentos

SÃO PAULO – O recente retrocesso registrado por ações de imobiliárias – turbinado pela apresentação de resultados fracos – abriu espaço de compra para papéis das empresas, segundo diz o Citi. A instituiçao iniciou cobertura de construtoras, recomendando compra para Even (EVEN3) e Direcional (DIRR3), manutenção para Brookfield (BISA3) e Ez Tec (EZTC3) e venda para Tecnisa (TCSA3).

A avaliação do Citi leva em consideração o múltiplo de preço/valor  patrimonial e também a rentabilidade sobre o patrimônio, visando não ser influenciado pela volatilidade dos resultados pelo método  de “porcentagem de conclusão” utilizado pelas empresas para reconhecimento de receita.

“Apesar dos resultados fracos dos últimos trimestres e redução da credibilidade das empresas, acreditamos que existem empresas com bons fundamentos neste setor e que a  queda recente gerou um bom ponto de entrada em algumas ações”, escreveram os analistas Paola Mello e Dan Mc Goey, em relatório.

Para os analistas, a Even deve manter rentabilidade elevada, já que é uma companhiia direcionada às classes média e alta. Adicionalmente, a empresa é conhecida por ter uma operação eficiente em todos os estágios do  processo de construção e venda de imóveis.

Sobre a Direcional, eles avaliam que a companhia é uma das poucas empresas que conseguem atender às faixas mais baixas do Minha Casa, Minha Vida (renda familiar até 3 salários mínimos e valor do imóvel até R$ 65 mil).

Em relação à Brookfield, é uma das empresas que mais sofreu com falta de controle de custos e revisões  de orçamentos de obras, levando a empresa a realizar um aumento de capital. Os analistas esperam baixa rentabilidade e expectativa de pouco fluxo de caixa nos próximos trimestres.

De acordo com o Citi, a Ez Tec é a empresa mais rentável do setor listada na bolsa. A equipe avalia que há valuation pouco atrativo nas ações e riscos, associados à manutenção da rentabilidade elevada nos próximos anos.

A dupla de análise diz que a Tecnisa optou pelo crescimento acelerado após o IPO (Oferta Pública Inicial) e  acabou sendo uma das mais afetadas pela necessidade de revisão de orçamentos e custos das obras. Eles acrescentam que a maior fonte de valor para a  Tecnisa é seu banco de terrenos, particularmente um terreno na zona oeste de São Paulo onde a empresa pretende lançar o projeto Jardim das Perdizes. Lançamentos neste terreno devem ser feitos aos poucos e o primeiro lançamento  já foi adiado diversas vezes.

Confira as recomendações do Citi:

EmpresaTickerRecomendaçãoPreço-alvoUpsideROE (retorno sobre ação) recorrenteRetorno em 2012
EvenEVEN3CompraR$ 10,90 +45%17%+ 33,74%
DirecionalDIRR3CompraR$ 15,80+ 30%19%+ 31,52%
Ez TecEZTC3NeutraR$ 31,70+ 24%26%+ 74,81%
BrookfieldBISA3NeutraR$ 4,30+ 21%12%– 19,15%
TecnisaTCSA3VendaR$ 7,50-6%14%– 13,70%

PUBLICIDADE