Varejo de alimentos

Burger King (BKBR3) diminui em 64% prejuízo no 3º trimestre com a flexibilização de restrições por Covid-19

Empresa reportou recuperação de vendas, disciplina no controle das despesas e estratégia de digitalização

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – O Burger King (BKBR3) registrou no terceiro trimestre deste ano um prejuízo de R$ 37,9 milhões, uma melhora de 64,2% em relação ao prejuízo reportado há um ano, que foi de R$ 105,9 milhões.

A empresa aponta o relaxamento cada vez mais expressivo das restrições de circulação de pessoas, por conta da pandemia de Covid-19, como um dos principais fatores para a melhora do resultado.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ficou positivo em R$ 76,6 milhões, revertendo o negativo de R$ 16,9 milhões do 3TRI20.

Assim, a margem Ebitda ganhou 14 pontos percentuais, chegando no 3º trimestre a 10,8%, após um resultado negativo de 3,2% há um ano.

“Este resultado é decorrente da recuperação de vendas, disciplina no controle das nossas despesas e estratégia de digitalização”, explicou a empresa.

Receitas do Burger King

No terceiro trimestre de 2021, a receita operacional da companhia atingiu R$ 710 milhões, crescimento de 35,9% quando comparado ao mesmo período do ano anterior, puxada pela redução das restrições à circulação.

“As vendas da Companhia tiveram forte recuperação e progrediram gradualmente mês após mês, de forma que ao final de setembro, as vendas por restaurante já estavam muito próximas aos níveis de 2019”, escreveu a empresa.

Canais digitais

Já a receita dos canais digitais do Burger King, que incluem Delivery, Totem e App, cresceu 70%, com “recorde histórico” de R$ 231,4 milhões, e alcançou 33% das vendas da companhia no 3TRI21, contra 22,7% do mesmo período de 2020.

O Burger King fechou o trimestre com oito novas lojas, sendo duas delas franquias. No total, agora, são 927 restaurantes, sendo 723 próprios e 204 franqueados.

Além disso, “no decorrer dos últimos meses chegamos à importante marca de 5% das nossas transações já sendo feitas pelo nosso, recém-criado, mas já com 2,4 milhões de clientes, programa de fidelidade”, comemorou. É um crescimento de 143% em relação ao 2TRI21.

Curso inédito “Os 7 Segredos da Prosperidade” reúne ensinamentos de qualidade de vida e saúde financeira. Faça sua pré-inscrição gratuita.

Compartilhe