Em mercados / acoes-e-indices

Ibovespa salta 2% e dólar cai 1% após fala de Trump amenizar preocupações com disputa comercial

Índice avança com noticiário positivo e euforia dos investidores com escolha de Roberto Campos Neto para comandar o BC a partir de 2019

bolsa investidor trader
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A bolsa brasileira ganha força na tarde desta sexta-feira (16) após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmar que pode não tarifar os produtos chineses e disse estar otimista em relação a uma solução na disputa comercial entre os países. Trump tem um encontro marcado com o presidente chinês XI Jinping no fim de novembro.

Às 16h34 (horário de Brasília), o Ibovespa tinha alta de 2,37%, aos 88.014 pontos, seguindo também o dia de alívio no mercado externo, em especial na Europa onde os índices se recuperam da queda da véspera após o anúncio do acordo preliminar do Brexit. Além disso, os índices em Wall Street também se animaram com as declarações de Trump.

O contrato de dólar futuro com vencimento em dezembro recuava 1,28%, para R$ 3,739, e o dólar comercial operava com perdas de 1,37%, cotado a R$ 3,736 na venda.

O otimismo no pregão pós-feriado reflete também o desempenho dos ADRs (American Depositary Receipts) negociados em Nova York durante o feriado, com os ativos subindo forte após a indicação do diretor do Santander, Roberto Campos Neto, para presidir o Banco Central.

Durante o feriado, a equipe de transição de Jair Bolsonaro anunciou a indicação do diretor do Santander, Roberto Campos Neto, para presidir o Banco Central. O economista passará por sabatina na CAE (Comissão de Assuntos Econômicos) do Senado para poder ter seu nome aprovado para assumir o comando do BC. 

Analistas e investidores comemoraram o anúncio vendo principalmente que Neto não deverá fazer grandes mudanças na condução da política monetária. Além disso, o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou a permanência do economista Mansueto Almeida no cargo de secretário do Tesouro Nacional, que ocupa desde abril deste ano.

Ainda no cenário doméstico, destaque também para o IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central), que mostrou que a economia brasileira registrou crescimento de 1,74% no terceiro trimestre deste ano comparado com o período anterior. Em setembro, comparado a agosto, houve queda de 0,09%.

No exterior, na véspera, as bolsas europeias caíram para as mínimas em duas semanas, com destaque para as ações dos bancos afundando, enquanto a libra caiu cerca de 2%.

Nos Estados Unidos, declarações de dirigentes do Fed (Federal Reserve, o banco central norte-americano) acentuaram o movimento de queda global da divisa norte-americana, com o Dollar Index renovando mínimas, em queda superior a 0,5%, enquanto os rendimentos dos Treasuries de dois anos caíram para o menor nível desde outubro. 

O acordo preliminar fechado para o Brexit trata dos termos em que ocorrerá a separação e um dos pontos mais difíceis do consenso é um conjunto de medidas controversas que, na prática, é um seguro para impedir uma fronteira física entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda se futuras conversações comerciais entre as duas partes terminarem sem um acordo.

Ainda na região, o presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, reafirmou os planos de reduzir o estímulo no final do ano mas também mostrou cautela com as perspectivas para o crescimento, alertando que a aceleração da inflação pode ser mais lenta do que o esperado antes.

Noticiário político
Após ser garantido no Tesouro em 2019, Mansueto afirmou, segundo o Estadão, que se o governo Bolsonaro utilizar a proposta da Previdência sugerida por Michel Temer e que já está na Câmara, ela poderá ser aprovada ainda no primeiro semestre do próximo ano.

Aproveite as oportunidades da Bolsa: abra uma conta na Clear com taxa ZERO de corretagem!

Além disso, o jornal destaca que os governadores eleitos já estão negociando uma mudança na LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal) com o objetivo de abrir caminho para uma nova renegociação da dívida dos estados com a União.

Sobre a transição de governo, a equipe do presidente eleito Jair Bolsonaro quer antecipar mudanças no setor elétrico que eram previstas apenas para 2020 e 2026. A ideia é que alterações nas regras, como a abertura do mercado livre para clientes residenciais ocorra já em 2019. Ainda no setor, a Folha informa que a equipe de Temer sugeriu ao novo governo que faça apenas uma privatização, a da Eletrobras.

Destaques da Bolsa

As maiores altas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 ELET3 ELETROBRAS ON 24,91 +8,26 +28,80 74,55M
 ELET6 ELETROBRAS PNB 27,97 +6,96 +23,22 65,61M
 USIM5 USIMINAS PNA 9,73 +6,34 +7,39 117,03M
 ESTC3 ESTACIO PARTON ED 23,03 +6,09 -24,83 76,77M
 BRKM5 BRASKEM PNA 52,66 +5,96 +28,13 162,31M

As maiores baixas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 JBSS3 JBS ON 11,13 -2,37 +14,06 70,19M
 VVAR11 VIAVAREJO UNT N2 15,66 -1,51 -35,93 57,76M
 SUZB3 SUZANO PAPELON 38,79 -0,92 +108,55 156,37M
 CIEL3 CIELO ON 9,75 -0,81 -55,68 215,49M
 EMBR3 EMBRAER ON 20,43 -0,68 +2,70 38,43M
* - Lote de mil ações
1 - Em reais (K - Mil | M - Milhão | B - Bilhão)

Aproveite as oportunidades da Bolsa: abra uma conta na Clear com taxa ZERO de corretagem!

Além disso, a temporada de resultados também prejudica as ações, em especial a Nvidia que desabou 16% após seu balanço mostrar um excesso de chips no mercado secundário.

 

Contato