Em mercados / acoes-e-indices

Radar: Celesc não renova concessões; Suzano troca diretor-presidente

Estudo diz que HRT possui reservas de 5,1 bi de barris de petróleo; Arlindo Moura será novo presidente da Vanguarda; Graça afirma que alta de gasolina não é urgente

papel e celulose - commodity
(Getty Images)

SÃO PAULO - Após o Ibovespa encerrar em alta de 0,35% o pregão da véspera, o mercado deve acompanhar mais um dia de baixa liquidez no mercado por conta do dia do "Black Friday", ocasião em que as bolsas de valores norte-americanas fecham três horas mais cedo.

Sem dados na agenda norte-americana, os investidores mundiais repercutem dados sobre a maior economia da zona do euro: a Alemanha. Também no Velho Continente, o Conselho Europeu prossegue com as negociações sobre o orçamento do período entre 2013 e 2020. É provável que os debates se arrastem até o fim de semana. 

Celesc rejeita renovação de concessões no âmbito da MP 579
A diretoria e o conselho de administração da Celesc (CLSC4) não aceitaram a proposta de renovação das concessões feita pelo governo no âmbito da Medida Provisória 579, de acordo com matéria publicada no jornal Valor Econômico. A Celesc tem sete PCHs (Pequenas Centrais Hidrelétricas) cujas concessões estão vencendo.

Graça Foster afirma que alta de gasolina não é urgente
Entre as notícias em pauta no setor corporativo, o presidente da Petrobras (PETR3PETR4), Maria das Graças Foster, afirmou que não há data definida e nem urgência para reajuste dos preços da gasolina.

De acordo com matéria do Valor Econômico, a presidente afirmou no Rio Grande do Sul que o caixa da estatal está bem e terminará 2012 numa situação "bastante saudável", apesar de este ser o ano de maior volume de investimentos da história da companhia, de cerca de R$ 85 bilhões.

Suzano troca diretor-presidente e aprova programa de recompra de ações
Já a Suzano (SUZB5) informou que aprovou o programa de recompra de 12 milhões de ações classe A, o que representa 1,633% dos 475.933.908 papéis dessa linha em circulação no mercado. O prazo máximo para a recompra é de nos próximos 90 dias.

Além disso, a empresa também anunciou que Walter Schalka assumirá o cargo de diretor-presidente da companhia, ocupando o lugar de Antônio Maciel Neto. Schalka tomará posse no início de 2013.

Governo de SP ainda não decidiu sobre renovação da Cesp
No setor de energia, o governo do Estado de São Paulo ainda não tem uma posição sobre a possível renovação antecipada das concessões da Cesp (CESP6) que vencem entre 2015 e 2017, afirmou o governador paulista, Geraldo Alckmin.

"Ainda não, vamos avaliar até o dia 4 (de dezembro)", disse a repórteres, referindo-se ao prazo fixado pelo governo federal para que as companhias elétricas envolvidas na proposta decidam se vão aderir.

Celesc rejeita renovação de concessões no âmbito da MP 579
Já a diretoria e o conselho de administração da Celesc (CLSC4) não aceitaram a proposta de renovação das concessões feita pelo governo no âmbito da Medida Provisória 579, de acordo com matéria publicada no jornal Valor Econômico. A Celesc tem sete PCHs (Pequenas Centrais Hidrelétricas) cujas concessões estão vencendo.

Eletrobras não receberá ajuda do Tesouro Nacional
No mesmo setor, apesar das quedas recentes em suas ações, a Eletrobras (ELET3, ELET6) não receberá ajuda do Tesouro Nacional. É o que afirmou o secretário-executivo do MME (Ministério de Minas e Energia), Márcio Zimmermann, em entrevista ao Valor Econômico. A notícia comenta que apesar da hipótese ter sido levantada, o capital da empresa não será socorrido pelo Tesouro.

HRT possui reservas de 5,1 bilhões de barris de petróleo
Além disso, a HRT Petróleo (HRTP3) possui reservas de 5,1 bilhões de barris de óleo e condensado, além de 2,3 bilhões de BOE (barris de óleo equivalente) de gás associado e gás não associado, mostrou relatório da consultoria DeGolyer & MacNaughton divulgado nesta quinta-feira (22). Esse número mostra um avanço de 457 milhões de BOE nas reservas da companhia. 

Arlindo de Azevedo Moura será novo presidente da Vanguarda
Por fim, o Conselho de Administração da Vanguarda (VAGR3) elegeu Arlindo de Azevedo Moura como novo diretor-presidente da empresa de produtos agrícolas, com efeito a partir de 1o de janeiro de 2013. Moura substituirá Bento Moreira Franco, cuja saída foi anunciada na quarta-feira.

Tupy confirma estudo para oferta de ações
A Tupy (TUPY3; TUPY4), confirmou nesta sexta-feira (23) que estuda, "em caráter preliminar", a realização de uma oferta pública de ações.

"A eventual realização da oferta e sua estrutura são assuntos ainda em discussão inicial e estarão sujeitos às aprovações internas no âmbito da companhia e às condições dos mercados de capitais nacional e internacional", disse a empresa, em nota.

Acompanhe as cotações de todos os fundos imobiliários negociados na BM&FBovespa: http://www.infomoney.com.br/onde-investir/fundos-imobiliarios/cotacoes

 

Contato