Voltada a pessoas físicas

Ações da corretora Robinhood caem 8% no primeiro dia de negociação em Wall Street

Corretora que esteve no centro das atenções durante a febre de compras de ações meme estreou com o pé esquerdo na Nasdaq

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – A corretora Robinhood, conhecida por focar no investidor pessoa física ao oferecer operações sem corretagem via app no celular, não teve uma boa estreia na Nasdaq. Em seu primeiro dia de operações, as suas ações despencaram 8,37% a US$ 34,82.

Na Oferta Pública Inicial (IPO, na sigla em inglês) a Robinhood levantou perto de US$ 2 bilhões.

A empresa, que tem 17,7 milhões de usuários ativos mensais e US$ 81 bilhões sob custódia, tem responsabilidade pelo maior interesse das pessoas físicas pelo mercado de ações nos EUA. Em 2019, esses investidores respondiam por 10% da atividade das bolsas americanas, e hoje possuem uma fatia de 25%.

Em 2021, a companhia ficou no centro das atenções por conta do fenômeno das compras coordenadas de “ações meme”. Por ser acessível e voltada a pessoas físicas, principalmente jovens millenials e geração z, a corretora foi bastante usada para a aquisição de ações de empresas impulsionadas por posts na rede social Reddit.

Contudo, justamente essa preferência dos jovens acabou trazendo sérios problemas à companhia. Se em 2020 ela era bem vista por ter gerado um lucro líquido de US$ 7,45 milhões, com uma receita líquida que totalizou US$ 959 milhões, no primeiro trimestre deste ano ela registrou prejuízo de US$ 1,4 bilhões em meio a perdas relacionadas à arrecadação de fundos de emergência durante a febre de compras de papéis da varejista de videogames GameStop.

O caso ocorreu porque a Robinhood proibiu investidores de comprar mais do que uma ação da GameStop e de outras empresas que se tornaram ações meme, justificando a atitude porque com o enorme volume de ordens em seu sistema era preciso oferecer garantias à companhia que atua como câmara de compensação, tendo sido obrigada a depositar uma caução de US$ 3 bilhões.

Depois do incidente, mais de 30 ações coletivas foram iniciadas contra a empresa por investidores que disseram ter sido prejudicados por não poder comprar certos papeis.

Além das “ações meme”, a Robinhood também operacionalizou muitas negociações de criptomoedas este ano. Foram US$ 88 bilhões no primeiro trimestre.

Às 19h06 (horário de Brasília), os papéis da Robinhood tinham leve alta de 0,2% a US$ 34,89.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Transformar a Bolsa de Valores em fonte recorrente de ganhos é possível. Assista a aula gratuita do Professor Su e descubra como.

Compartilhe