RADAR INFOMONEY Petrobras (PETR4) sobe com petróleo, vacinas e redução de dívida; veja perspectivas para as ações

Petrobras (PETR4) sobe com petróleo, vacinas e redução de dívida; veja perspectivas para as ações

Primeiro pregão

Ação da Mitre estreia com alta de quase 8% em primeiro IPO na bolsa brasileira de 2020

A companhia irá usar o dinheiro da abertura de capital para a compra de terrenos e para o pagamento de custos de construção

arrow_forwardMais sobre
IPO Mitre
(Créditos: Cauê Diniz/Divulgação B3)
Aprenda a investir na bolsa

A ação da construtora Mitre estreou nesta quarta na B3, sob o código MTRE3, com fortes ganhos. Os ativos fecharam em alta de 7,77% de R$ 20,80, após chegarem a atingir uma máxima de 10,31%. O volume negociado foi de R$ 315,7 milhões.

No IPO, a arrecadação foi de R$ 1,18 bilhão. Trata-se da primeira abertura de capital (IPO, na sigla em inglês) do País do ano.

A companhia irá usar o dinheiro da abertura de capital para a compra de terrenos e para o pagamento de custos de construção e despesas operacionais.

Aprenda a investir na bolsa

A Mitre está listada no Novo Mercado, segmento de mais elevadas exigências de governança corporativa da B3.

A construtora Mitre teve suas ações precificadas em R$ 19,30 cada no IPO (Oferta Pública Inicial), ficando no topo da faixa indicativa, que partia de R$ 14,30.

A Mitre é uma construtora e incorporadora com foco nos segmentos de média e alta renda em São Paulo.

Há duas linhas de imóveis da da companhia: Raízes e Haus. A primeira marca é focada na média renda em bairros de menor concorrência, enquanto a segunda é especialmente para o público de alta renda, em localidades mais nobres.

Seja sócio das melhores empresas da Bolsa: abra uma conta na Clear com taxa ZERO para corretagem de ações