Com menor demanda

Frota de ônibus em São Paulo será reduzida a partir desta segunda-feira

Segundo a administração municipal, a frota de ônibus em circulação a partir de amanhã na capital paulista será de 40%

São Paulo 2015-12-16 Entrega de Ônibus Articulados e Anúncio da Portaria dos 30% de Mulheres nas Empresas Concessionárias de Transporte Coletivo – ? Sr. FERNANDO HADDAD, Prefeito de São Paulo, Sr. JILMAR TATTO, Secretário Municipal de Transportes. Sra. NÁDIA CAMPEÃO, Vice- Prefeita de São Paulo. Sra. DENISE MOTTA DAU, Secretário Municipal de Politica para as Mulheres. Sr. ARTUR HENRIQUE, Secretário Municipal de Desenvolvimento, Empreendedorismo e Trabalho. Sr. MAURICIO MARTINS, Subprefeito de Itaquera. Foto Cesar Ogata / SECOM

Com a redução do número de passageiros, a SPTrans, empresa que administra os ônibus da capital paulista, decidiu fazer ajustes e reduzir a frota de ônibus em circulação a partir de amanhã (30).

Segundo a administração municipal, a frota de ônibus em circulação a partir de amanhã na capital paulista será de 40%, já que o número de passageiros transportados caiu em torno de 77% sobre a média diária em dias úteis.

Por determinação da prefeitura e do governo paulista, o comércio e as escolas estão fechados em São Paulo como tentativa de se reduzir a propagação do coronavírus (covid-19), funcionando apenas os serviços essenciais como mercados e farmácias. Isso diminuiu o fluxo de pessoas nas ruas.

PUBLICIDADE

A SPTrans informou que vai seguir monitorando a movimentação de passageiros diariamente e fará ajustes, caso seja necessário.

De acordo com o órgão, a frota de ônibus que circula de madrugada, entre a meia-noite e as 4h, passou de 430 para 211 veículos, o que significa que haverá maior intervalo de circulação entre os veículos.

Aprendizados em tempos de crise: uma série especial do Stock Pickers com as lições dos principais nomes do mercado de ações. Assista – é de graça!