Do Zero ao Topo

Viva Real: as lições de Brian Requarth na criação do maior site de imóveis do país

A história do empreendedor e da construção do Viva Real são temas de episódio do podcast Do Zero ao Topo

Por  Letícia Toledo -

SÃO PAULO – Em uma noite de 2014 o CEO do Viva Real, Brian Requarth, subiu a um palco em São Paulo para receber o prêmio de empreendedor do ano. Sua empresa, fundada em 2009, mostrava um crescimento vertiginoso. Em poucos anos de operação, a startup desbancou nomes como Grupo Zap e ImovelWeb em quantidade de acessos e acabara de conquistar um aporte de US$ 13 milhões. Mas, enquanto fazia seu discurso, o sentimento que dominava o Requarth era o de derrota.

A poucos quilômetros dali, o escritório do Viva Real estava sem luz fazia alguns dias. O apagão — causado por uma raio que atingiu a fiação elétrica da região — impedia a comunicação da startup com seus milhares de clientes. “Eu mal consegui sair da cama alguns dias, estava sobrecarregado e foi muito difícil receber aquele prêmio. Por fora, estava tudo lindo, mas dentro da empresa parecia que tudo estava desmoronando. A ironia de ser um empreendedor é que seu melhor dia e seu pior dia, às vezes, são o mesmo”, contou Requarth em entrevista ao podcast Do Zero ao Topo.

A história do empreendedor e da construção do Viva Real são temas do episódio 89 do Do Zero ao Topo. É possível seguir o programa e escutar a entrevista completa via ApplePodcastsSpotifyDeezerSpreakerGoogle PodcastCastbox, Amazon Music e outros agregadores de áudio do país.

Requarth chegou ao Brasil ao lado de seu sócio alemão Thomas Floracks em 2009 com o plano de criar o “Mercado Livre dos imóveis”. Na época, o mercado era dominado por sites como o ZAP, fundado em 2006 pelos jornais “O Globo” e “O Estado de São Paulo”, e o ImovelWeb, criado em 1999. 

Mesmo com um volume bem menor investimentos, em 2013 o Viva Real conseguiu se estabelecer como o líder . “O que fizemos foi ter foco e agir rápido. Quando você tem uma startup, a principal vantagem que tem é ser mais rápido que as empresas maiores”, relatou Requarth sobre o período inicial da empresa.

“Chegamos ao Brasil e estabelecemos que iríamos fazer duas coisas: crescer o inventário e dominar SEO. Isso nos permitiu executar de uma forma insana e destravou muito valor.”

Em 2017 os sócios anunciaram uma fusão com o grupo ZAP. E em 2020, a OLX comprou os dois sites concorrentes por R$ 2,9 bilhões. Confira os detalhes dessa trajetória no podcast.

Sobre o Do Zero ao Topo

O podcast Do Zero ao Topo traz, a cada semana, um empresário de destaque no mercado brasileiro para contar a sua história, compartilhando os maiores desafios enfrentados ao longo do caminho e as principais estratégias utilizadas na construção do negócio.

O programa já recebeu nomes como André Penha, cofundador do QuintoAndar, David Neeleman, fundador da Azul, José Galló, executivo responsável pela ascensão da Renner, Guilherme Benchimol, fundador da XP Investimentos, Artur Grynbaum, CEO do Grupo Boticário, Sebastião Bonfim, criador da Centauro e Edgard Corona, da rede Smart Fit.

Do Zero Ao Topo: os segredos de dez startups brasileiras bilionárias, em um ebook para te inspirar a criar seu próprio unicórnio

Compartilhe