Perspectiva de crédito ao consumidor tem oitava queda seguida, diz Serasa

Em novembro, o indicador registrou retração de 1,3% - para 99,3 pontos - na comparação com o mês anterior

SÃO PAULO – Pelo oitavo mês consecutivo o otimismo para as concessões de crédito ao consumidor com recursos livres registrou queda no País, de acordo com o Indicador Serasa Experian de Perspectiva de Crédito ao Consumidor, divulgado nesta segunda-feira (3).

Em novembro, o indicador registrou retração de 1,3% – para 99,3 pontos – na comparação com o resultado registrado no mês anterior (100,7). 

Segundo a Serasa, as concessões feitas com recursos livres devem continuar se expandindo ao longo dos próximos meses, porém, em ritmo lento.

Conjuntura
Na avaliação dos técnicos da Serasa, a elevação dos compulsórios e a adoção de medidas macro prudenciais de restrição ao crédito por parte do Banco Central, determinadas no início de dezembro, combinadas com o aumento do endividamento do consumidor, deverão proporcionar uma evolução positiva do crédito ao consumidor.

Entretanto, pontuam os especialistas, essa evolução será menos acelerada, especialmente ao longo deste novo ano.

Sobre o indicador
O Indicador Serasa Experian de Perspectiva de Crédito ao Consumidor tem o objetivo de antever, em um horizonte de seis meses, as concessões reais de crédito ao consumidor.