Na primeira quinzena do mês, para cada carro novo, três usados eram vendidos

Segundo a Fenabrave, as vendas de automóveis de passeio caíram 24,28% no período. Considerando o mercado, a queda foi de 23,76%

SÃO PAULO – As vendas de automóveis de passeio usados caíram 24,28% na primeira quinzena deste mês, na comparação com dezembro. Comportamento próximo aos emplacamentos de veículos novos, que apresentaram queda de 37,37% no mesmo período.

De acordo com dados da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), o número de veículos de passeio usados vendidos nos primeiros 15 dias deste mês totalizou 281.396 – uma média de 3,2 usados para cada veículo novo emplacado. No mesmo período, foram emplacadas 88.419 unidades de novos.

Considerando os comerciais leves, foram vendidas 46.661 unidades de usados em janeiro – um recuo de 24,73% frente ao mesmo período de dezembro. O resultado dá uma média de 1,8 usado para cada veículo novo emplacado – no período, foram registrados 25.596 emplacamentos neste segmento.

Frente ao mesmo período do ano passado, no entanto, houve uma elevação de 11,17% nas comercializações de automóveis de passeio e de 16,99% nas vendas de comerciais leves usados. Nos primeiros 15 dias de janeiro de 2010, foram vendidos 253.111 veículos e 39.884 comerciais leves.

Mercado
Considerando o mercado de usados em geral, foram vendidos 427.900 veículos nos primeiros 15 dias deste mês, contra 561.237 comercializados no mesmo período de dezembro – uma queda de 23,76%. Em média, foram comercializados 2,2 usados para cada veículo novo emplacado.

Na comparação com a primeira quinzena de janeiro de 2010, quando foram vendidos 387.041 usados, houve uma alta de 10,56%.

Considerando apenas as motos, foram vendidas 83.236 unidades usadas neste mês – um recuo de 21,09% frente aos primeiros 15 dias de dezembro, quando 105.488 motos foram vendidas. Frente ao mesmo período de 2010, houve aumento, de 7,95%.

Bicombustíveis
O levantamento da Fenabrave mostra ainda que o número de automóveis bicombustíveis usados vendidos nos primeiros 15 dias de janeiro foi de 103.061 – 21,2% menor que os 130.780 mil carros flex vendidos em dezembro.

Considerando os comerciais leves, houve recuo de 21,26% entre dezembro e janeiro, já que no mês passado 16.334 unidades de usados bicombustíveis foram vendidas, contra 12.861 comercializadas neste mês.

PUBLICIDADE

A representatividade dos automóveis flex nas vendas de usados alcançou 36,62% na primeira quinzena deste mês, ante os 35,19% do mesmo período de dezembro. A representatividade nos comerciais leves flex, por sua vez, chegou a 27,56%, contra os 26,35% no mesmo período.