Com um ano e três meses de implantação, DDA atinge 5 milhões de cadastrados

No período, DDA já movimentou 230 milhões de boletos eletrônicos; expectativa é que serviço alcance 10 milhões de usuários em um ano

SÃO PAULO – Após um ano e três meses de sua introdução pelo setor bancário, o DDA (Débito Direto Autorizado) atingiu a marca de 5 milhões de usuários cadastrados, segundo balanço divulgado pela Febraban (Federação Brasileira de Bancos).

A expectativa é que o serviço alcance 10 milhões de cadastrados nos próximos 12 meses. Desde sua entrada em vigor até hoje, o DDA já movimentou 230 milhões de boletos eletrônicos.

“O resultado reforça a importância do DDA e mostra como um produto novo tem aceitação do público, especialmente por ser totalmente eletrônico”, ressalta o diretor adjunto de serviços da Febraban, Walter Tadeu de Faria.

DDA
Idealizado pela Febraban e operado pela CIP (Câmara Interbancária de Pagamentos), o DDA entrou em operação em outubro de 2009 e, desde então, permite aos clientes bancários que recebam os seus boletos de cobrança pela internet, caixa eletrônico ou telefone.

O acesso eletrônico dispensa o recebimento do documento impresso, bastando, para isso, apenas o cadastramento do cliente no banco.

A vantagem, diz a Febraban, é a maior facilidade de controle dos boletos a pagar, redução e documentos para manusear e a certeza de recebimento de boletos dentro do prazo esperado.