Brasileiros são os que mais gastam com saúde entre países emergentes

Por aqui, o gasto com saúde responde a 9,8% da renda, enquanto que nos outros países, esse gasto varia de 7,1% a 5%

SÃO PAULO – Os brasileiros são os que mais gastam com saúde entre os países em desenvolvimento, segundo revela pesquisa realizada pelo Credit Suisse Research Institute no Brasil, Rússia, Índia, China, Arábia Saudita, Indonésia e Egito.

Por aqui, o gasto com saúde responde a 9,8% da renda das famílias, enquanto que nos outros países, esse gasto varia de 7,1%, no Egito, a 5%, na Rússia e Indonésia. O motivo para o alto gasto no Brasil, de acordo com o levantamento, seria um reflexo da percepção de baixa qualidade do serviço público por parte da população.

Na China, Índia e Arábia Saudita, os gastos com saúde respondem, nesta ordem, a 5,7%, 5,5% e 6% da renda.

Educação
O Credit Suisse verificou ainda os gastos das populações com educação. No Brasil, esta despesa equivale a 4,6% da renda, o que dá ao país a penúltima colocação quando considerado este tipo de gasto, ficando à frente apenas da Rússia.

Dentre os pesquisados, o país cuja população mais gasta com educação é o Egito: 10,5%. Em seguida, aparecem Índia (7,5%), Indonésia (7%), China e Arábia Saudita (6,2% cada).