Stock Pills: O que tem acontecido com os bancos?

Por que as ações de Bradesco, Banco do Brasil, Itaú e Santander estão caindo enquanto o Ibovespa sobe em 2020?

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
Montagem de agências de bancos (Crédito: Reprodução)

Se teve um setor que sofreu menos durante a crise, foi o financeiro: em meio às notícias cada vez piores de queda do PIB, desemprego e queda de confiança, os maiores bancos do país seguiram registram lucros recordes ano após ano. Não à toa, as ações de Itaú e Bradesco eram protagonistas nas principais carteiras de fundos nos últimos anos.

Hoje em dia, esse consenso está longe de se manter de pé: o mercado tem questionado se os bancos conseguirão manter o ritmo de crescimento de lucros forte em meio a esse cenário de competição bem mais aguerrido. Por isso mesmo as ações dos bancos são o tema central do Stock Pills, a “pílula de análise” semanal do Stock Pickers.

O analista da XP, Marcel Campos, explicou em nossa pílula alguns detalhes da Agenda BC#, que promete trazer maior concorrência no setor financeiro, o que seria prejudicial para o ritmo de crescimento do lucro dos grandes bancos.

PUBLICIDADE

Apesar das notícias negativas, um ponto joga a favor destes grandes bancos: se por um lado a maior competição e regulação atingem diretamente as receitas com serviços, por outro lado o mercado de crédito ainda continua bem forte nas mãos dos bancos – e com a expectativa de retomada da economia brasileira, alguém vai ter que “financiar” essa expansão.

Antes de ouvir o áudio, deixo a opinião da Rico sobre o setor: atualmente não recomendamos a compra de nenhum grande banco na carteira Rico Premium, mas também estamos longe de achar que é o fim deles. Pelo contrário, se em algum momento os preços chegarem a um patamar que julgamos atrativos, podemos sim encarteirá-los, tendo em vista que eles podem se beneficiar de uma recuperação econômica, têm estrutura e podem se aproveitar do aumento da procura por crédito neste cenário.

Para seguir nossa carteira em “tempo real” e participar do nosso grupo exclusivo de discussões de investimentos, basta assinar a Carteira Rico Premium clicando aqui.

View this post on Instagram

O Stock Pills dessa semana traz uma análise completa sobre o que tem acontecido com os grandes bancos na bolsa. Enquanto até o fechamento de ontem (20/01) o Ibovespa avançava 2,78% em janeiro, as ações dos quatro grandes bancos chamaram nossa atenção pelo fraco desempenho em 2020: ITUB4 (-7,7%), BBAS3 (-5,7%), BBDC4 (-3,9%), SANB11 (-3,1%). Convidamos Marcel Campos, analista da XP Investimentos que cobre cada palmo do setor financeiro, para falar sobre os três principais motivos que têm feito as ações dos grandes bancos perderem de lavada do Ibovespa neste início de ano. Se, por um lado, existe fundamento por trás do fraco desempenho das ações, por outro lado, as vantagens que os grandes bancos ainda possuem dentro do setor financeiro, podem fazer desse momento, uma grande oportunidade para comprar ações de empresas historicamente resilientes e que cresceram lucros mesmo no pior momento da história do Brasil.

A post shared by Stock Pickers (@stockpickers_) on

PUBLICIDADE

 

Apresentado por Thiago Salomão, analista da Rico Investimentos, o Stock Pickers vai ao ar toda quinta-feira às 17h. Você pode seguir e escutar pelo Spotify, Spreaker, Deezer, iTunes e Google Podcasts.

Matheus Soares

Matheus Soares é analista da Rico Investimentos e um dos responsáveis pela Carteira Rico Dividendos 8+