Falhar não só é bom mas como necessário para o sucesso

Muitos acham que um fracasso pode determinar o resto da sua vida, entretanto, falhar é importante para aprender.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

Um dos grandes desafios culturais que temos é que apesar da famosa frase “errar é humano”, a falha é vista como um insucesso e não só pelos outros: para o empreendedor por sua natureza normalmente perfeccionista, não aceita o seu próprio fracasso, sendo muito crítico consigo mesmo o que pode ser ruim se isto levá-lo a desistir de tentar novamente. Precisamos disseminar a cultura para que o insucesso seja visto por todos tanto como uma oportunidade de aprendizado, quanto de desafio para continuar nas suas tentativas, pois como dizem os psico-terapeutas, os momentos de depressão são necessários para que juntemos nossas forças não só superá-los mas para atingir novas conquistas.

Um grande exemplo disto é ilustrado no discurso abaixo de J.K.Rowling, a autora dos livros da famosa série Harry Potter, para uma turma de graduação da universidade de Harvard, descrevendo como ao terminar a faculdade tudo deu errado para ela e que só pelo fracasso inicial que teve, tomou a decisão de seguir a sua verdadeira vocação: escrever (e todos sabemos o seu resultado ;-).

O outro lado desta moeda é que o sucesso logo de cara pode levar futuramente a um retumbante fracasso, pois pode levar a crer que se tenha “mãos de ouro” ou descoberto a “fórmula mágica” do sucesso. Como sugestão sobre um ótimo exemplo disto, leiam o livro “Iludido pelo Acaso” de Nassim Taleb, aonde ele, um operador de Wall Street, descreve como vários de seus colegas que acertaram de inicio, da mesma forma como ficaram milionários do dia para a noite, não só perderam tudo como ficaram devedores mais rapidamente ainda, por acharem que tinham descoberto o “segredo do mercado”.

Assim, erre bastante, pois suas chances de um sucesso permanente serão bem maiores!

 

 

Se tiver alguma dúvida sobre este post, deixe um comentário que responderei o mais breve.

Cassio Spina