Saia do vermelho e multiplique seu dinheiro com apenas três passos

Depois de assumir que a família toda vem gastando demais, é hora de separar papel e caneta e traçar objetivos

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Dedicar-se o mês todo a uma empresa para cobrir apenas os gastos do mês não é muito vantajoso. O ideal é que o salário seja suficiente para pagar as contas, a diversão e ainda sobrar um pouco para investi-lo ou simplesmente poupá-lo.

Mas os altos índices de endividamento notados nos últimos tempos mostram o quanto é difícil não comprometer até o último centavo da remuneração. Mas afinal, há uma fórmula para multiplicar o salário?

Assim como é muito fácil perder o controle das finanças, multiplicar o seu dinheiro também é bem simples. Mas para quem está no vermelho, não adianta começar do zero de uma hora para outra. Que tal dar os três primeiros passos?

Compromisso

Aprenda a investir na bolsa

Depois de assumir que a família toda vem gastando demais, é hora de separar papel e caneta e traçar objetivos. Antes de tudo coloque as finanças em dia. Como o dinheiro recebido no começo de cada mês é fixo, é preciso que toda a família planeje as despesas de acordo com esse valor.

O próximo passo é separar os desejos das necessidades. Para que a distinção fique clara, faça uma planilha de gastos, na qual você vai anotar tudo o que gastar. Assim, você saberá exatamente quais as despesas que estavam previstas e quais ou em quê você realmente gastou.

Metas

Depois é preciso cumprir as metas estabelecidas. Quando os gastos não superarem as despesas, o primeiro objetivo já terá sido alcançado. Quando sobrar algo, então será hora de guardar ou investir.

É quando você precisa dar o terceiro passo. Para poupar é preciso estabelecer objetivos de curto, médio e longo prazos. Diferente do que a maioria pensa, não é preciso quitar todas as dívidas para começar a traçar esses objetivos. Muito pelo contrário, quando as metas são claras, fica bem mais fácil “arrumar a casa” e ir atrás do sonho.