Estágio: economizar um pouco do salário pode ajudar na realização de um sonho!

Planeje-se e ponha tudo na ponta do lápis. Dia após dia seu objetivo estará mais próximo de ser alcançado

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Após várias tentativas e entrevistas frustradas, você conseguiu o tão sonhado estágio. O trabalho vai agregar experiência ao seu currículo e, claro, uma “graninha” extra para os gastos pessoais, com a faculdade e com seu lazer. Afinal, ninguém é de ferro!

Será que vai dar para pagar tudo e ainda guardar um pouco para o futuro? Seja lá qual for o seu objetivo – uma viagem, a compra de um carro, a independência financeira -, vale reservar uma parte do ganho mensal para a conquista do sonho.

“Caixinha” do futuro

Alguns podem até pensar que poupar, com o salário de estagiário, é difícil. Pode até ser, mas não impossível. Experimente reservar 10% ao mês de seus proventos para a sua “caixinha do futuro”.

Aprenda a investir na bolsa

Se você incluir essa reserva em seu orçamento, vai perceber que poupar essa quantia é mais fácil do que imagina, e pode ser bem proveitoso no futuro.

Por exemplo: um estagiário que recebe R$ 500 por mês e guarda R$ 50, ao final de um ano terá poupado R$ 600. Pode parecer pouco de início, mas se considerarmos que os estagiários não recebem, por exemplo, o 13º salário, essa quantia equivale a esse benefício.

Controle seus gastos

Após preparar sua planilha de orçamento, quando o salário cair na conta, gaste apenas os 90% restantes. Roupas, baladas, material escolar… anote todas as suas despesas e procure não se endividar com cheques nem com cartões de crédito.

Controle os gastos com celular, internet e outras despesas que podem comprometer todo o seu rendimento no final do mês.

Economia no dia-a-dia

Não é fácil, mas sempre é possível arrumar um jeitinho para economizar. Se você vai direto da faculdade para o trabalho, ou vice-versa, procure levar um lanche de casa para não gastar com refeição. Se o local de trabalho tem uma cozinha, por exemplo, opte, também, por uma comidinha quente. É mais saudável e não vai pesar muito no seu bolso.

Se você depender do transporte público para chegar ao trabalho, informe-se sobre passes de ônibus que dão desconto a estudantes. Outra dica é contatar pessoas que vão na mesma direção que você e pedir carona. Além de mais confortável, você economiza o dinheiro da condução, mesmo ajudando o colega com a gasolina.

PUBLICIDADE

Agora, se você é o dono do carro, procure pessoas que façam o mesmo trajeto e ofereça carona em troca de uma ajuda de custo. Vai ser bom para ambos os lados.

Nas baladas, não esbanje. Controle os gastos, procure lugares que não cobrem entrada ou aqueles que aceitem carteirinha de estudante. Além do valor da entrada, o que mais pesa numa balada são os drinks e lanches. Neste caso, a alternativa é consumir menos e começar a festa mais cedo na casa de amigos ou num bar próximo. Uma bebida ou lanche que na balada não sai por menos de R$ 10, pode ser encontrado por R$ 5 num bar de rua e, em casa, a um custo de R$ 3, por exemplo.

Mais perto do objetivo

Agora sim, com os gastos programados e as contas em dia, já é possível planejar aquela viagem, o carro novo, os investimentos…mesmo que demore um pouco, dia após dia você estará mais perto de alcançar seus objetivos. Comece o quanto antes!