Pesquisa

Brasil é o segundo mais problemático na transferência de profissionais

País está atrás da China em Program Managers, segundo o ranking elaborado pela Brookfield Global Relocation Services

SÃO PAULO – Um estudo realizado pela Brookfield Global Relocation Services revela que o Brasil é um dos países mais desafiadores em termos de transferência internacional de profissionais.

De acordo com o estudo, o País está em segundo no ranking, alvo de 9% das empresas e encontra-se atrás da China, que foi mencionada por 16% das companhias. A Índia aparece em terceiro lugar, com 8%.

A pesquisa também revelou que o Brasil, China, Austrália e Índia são os principais destinos entre os países emergentes para investimentos. Já entre os que mais apresentam problemas em Program Managers, o Brasil também se destaca, com o segundo lugar (10%). “Enquanto a China está em primeiro, com 14%, e a Índia aparece em terceiro, com 9%”, informa o estudo.

PUBLICIDADE

Metodologia
A pesquisa ‘Tendências para Realocações Globais’ consultou mais de 123 empresas de variados portes em todo o mundo. Mais da metade das companhias entrevistadas têm sede nas Américas. Os outros 42% pertencem a Europa, Oriente Médio e África.