Em minhas-financas / consumo

SPTrans extingue Bilhete Único Anônimo ilimitado

Passageiros deverão apresentar documentos mesmo para obter o cartão sem foto impressa

Máquina de carregamento de Bilhete Único
(Prefeitura)

SÃO PAULO - A São Paulo Transporte (SPTrans) anunciou nesta quinta-feira (7) a extinção do Bilhete Único Anônimo ilimitado. A partir de agora, os usuários deverão apresentar um documento com foto e número do CPF em um dos postos de venda e atendimento, mesmo quando quiser obter uma versão sem foto e nome impressos. 

Até então, qualquer pessoa poderia obter um número ilimitado de bilhetes únicos sem se identificar. Agora, a SPTrans permite apenas um cartão por CPF. O valor de aquisição é o mesmo: uma tarifa e uma carga mínima de 5 passagens, totalizando R$ 24. 

Segundo a empresa, a medida foi tomada para "melhorar a segurança do sistema e dos usuários". Quem já possui bilhetes anônimos pela regra antiga poderá continuar usando normalmente. 

Para adquirir um Bilhete Único Personalizado, é necessário realizar um cadastro pelo site da SPTrans (http://bilheteunico.sptrans.com.br) e retirar o cartão na mesma hora em um dos 34 postos da SPTrans que realizam o serviço. Personalizado com nome e foto do usuário, esse tipo de cartão tem a vantagem de poder ser carregado com créditos dos tipos Comum, Estudante, Vale-Transporte e Mensal.

Quer investir para comprar um carro? Abra uma conta na XP.

Contato