Stock Pickers

Ibovespa despenca após pico de 2022, o que esperar e como investir daqui para frente?

João Braga, CEO e fundador da Encore Asset, e Luiz Nunes, CEO e co-fundador da Forpus Capital, falam sobre o tema no episódio 144 do Stock Pickers

Por  Equipe Stock Pickers

 

Desde que o Ibovespa atingiu seu pico de 2022, em 1ª de abril, na casa dos 121 mil pontos, o principal índice da Bolsa brasileira entrou em trajetória de queda e agora opera na casa dos 105 mil pontos, o que representa uma queda de quase 14%. Agora, o benchmark da Bolsa está praticamente zerado no acumulado do ano.

Este movimento de baixa, no entanto, não é na contramão do mercado. Nos EUA, S&P 500, Dow Jones e Nasdaq despencam todos perto dos 10% em 2022. Entre os motivos para isso está a escalada da inflação no mundo e o recente aumento nos juros dos EUA, o que já leva a muitos agentes do mercado a prever uma recessão na maior economia do mundo. Além disso, dúvidas em relação à pandemia na China e a guerra na Ucrânia continuam pesando contra os índices.

Para Luiz Nunes, CEO e co-fundador da Forpus Capital, o grande problema dos mercados atualmente é a expectativa dos juros subirem muito e rápido nos EUA para tentar controlar a inflação. “O mercado vai sofrer pela leniência do BC americano. O Fed deveria ter começado a subir juros, pelo menos no gogó, entre o final do ano passado e o começo desse ano”, disse ele no episódio 144 do Stock Pickers (confira a conversa assistindo ao vídeo acima).

Apesar deste cenário, Nunes e João Luiz Braga, CEO e fundador da Encore Asset Management, também convidado do episódio, ressaltam que o Brasil deve continuar tendo um desempenho melhor que seus pares internacionais. Isso porque, mesmo que as bolsas dos EUA caiam e puxem o Ibovespa, a situação por aqui é melhor e pode haver um descolamento, com a Bolsa brasileira voltando a subir forte, como no começo do ano.

“Mesmo com a derrocada atual, o cenário não mudou. É um cenário favorável para o Brasil, que está no fim do seu ciclo [de alta] de juros, a curva mais longa já está caindo, enquanto lá fora sobe. Estou otimista com o Brasil e pessimista com os EUA”, afirma Braga, da Encore.

Segundo eles, o Ibovespa continua barato, o câmbio continua atrativo para os gringos e a questão política já não preocupa mais tanto, principalmente os estrangeiros. “Inflação alta no Brasil e no mundo nunca é boa notícia. Porém, o que está sendo mais afetado são as commodities e o Brasil se fortalece com isso”, diz Nunes, da Forpus, ressaltando que o país é um grande exportador para o mundo.

Apesar disso, ele pontua que o cenário só deve melhorar após a eleição presidencial estiver definida. “É difícil a bolsa brasileira subir de uma maneira consistente antes disse”, diz Nunes.

Estratégias para driblar o cenário

Na Encore, o fundo é composto em 3 “caixas”: ações de commodities, antifrágeis e atacantes. “Antes era um terço cada, mas desde o começo crescemos em commodities, principalmente em petróleo, pois o conjuntural parece bom”, diz Braga.

Entre as empresas no portfólio estão a Tenaris (T1SS34), 3R Petroleum (RRRP3), PetroRio (PRIO3) e Petrobras (PETR4). Entre as atacantes, a menor posição da Forpus, estão empresas como Petz ([ativo=PETZ4]), Mercado Livre (MELI34) e Vivara (VIVA3).

Já entre as antifrágeis, as mais defensivas, estão majoritariamente companhias do setor elétrico, como Auren (AURE3), Cesp (CESP6), Energisa (ENGI11) e Eletrobras (ELET6). “Acredito que a privatização vai sair e a ação vai subir forte”, afirma o CEO da Encore.

Já na Forpus, Nunes afirma que a casa é uma gestora setorial, com 50% de seus investimentos voltados para commodities. Neste percentual, 10% são de Petrobras, 10% Vale (VALE3), 15% ações de empresas agrícolas e outros 15% de frigoríficos. “Tudo que tem inflação no mundo é pauta de exportação do Brasil”, diz o CEO.

O restante é composto por ações de empresas de utilities, cases mais arriscadas, como Grupo SBF (SBFG3) – dona da Centauro – e JHSF (JHSF3) e também em proteção, com hedge em empresas com múltiplos altos e em dólar. “Não existe carteira sem risco e se o cenário mudar começamos a mexer nela”, diz Nunes.

Para conferir mais detalhes das estratégias da Encore Asset Management e da Forpus Capital e da visão de João Luiz Braga e Luiz Nunes, confira o episódio 144 do Stock Pickers assistindo ao vídeo acima.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe