Em randonpart

Randon registra prejuízo de R$ 4 milhões, culpa economia e reduz guidance

Empresa viu sua geração operacional de caixa cair 60,7%, atingindo R$ 66,83 milhões entre abril e junho

Randon 01 - Caminhão
(Divulgação Randon)

SÃO PAULO - A Randon (RAPT4) registrou prejuízo líquido de R$ 4 milhões no segundo trimestre de 2012, comunicou a empresa nesta quarta-feira (8). A companhia credita que esse resultado é justificado pelo mau desempenho da economia mundial, que passa por desaceleração. 

A companhia teve queda de 19,5% na receita líquida durante o trimestre frente o mesmo período em 2011, atingindo R$ 883,9 milhões. O Ebitda (geração operacional de caixa) recuou 60,7%, atingindo R$ 66,83 milhões. Assim, a margem Ebitda (relação percentual entre receita líquida e Ebitda) caiu 7,9 pontos percentuais, atingindo 7,6%.

Esses números vieram abaixo das expectativas do Credit Suisse, que projetava prejuízo de R$ 2,7 milhões e Ebitda de R$ 70,5 milhões. "Em resposta aos movimentos do mercado, a Companhia fez paradas programadas no segmento de veículos rebocados, suprimiu turnos em algumas de suas empresas do segmento de autopeças e adequou a disposição de mão-de-obra", destaca a companhia.

Economia em queda justifica corte no guidance
"Os números do trimestre refletem as dificuldades do atual cenário, mas incorporam também distorções específicas, como os efeitos contábeis do câmbio apurados sobre a dívida em dólares norte-americanos", afirma a Randon. Neste cenário, a companhia reduziu o seu guidance para 2012, já que os antigos números não mais condiziam com a realidade.

A companhia estima receita líquida consolidada de R$ 3,5 bilhões em 2012, com investimentos programados de R$ 230 milhões. As exportações devem alcançar US$ 230 milhões e as importações US$ 100 milhões. "A companhia entende já reconhecer sinais de melhora para a segunda metade de 2012, confiando em uma retomada da economia doméstica e estabilização no cenário internacional, mesmo sem compensar a forte queda do 1º semestre", avalia a empresa. 

 

Contato