Pedidos de prisão

Viana ficaria pouco tempo no comando do Senado se Renan fosse preso, diz Eurasia

Eventual prisão de Renan não muda probabilidade de 80% de impeachment de Dilma Rousseff, diz consultoria de risco político <div><span style="font-size: 14.6667px"></span></div>

Aprenda a investir na bolsa

(Bloomberg) – O maior risco em relação ao pedido de Janot para prender o presidente do Senado, Renan Calheiros, seria para a agenda Temer, dado que o senador é proponente-chave das propostas de ajuste econômico e fiscal, segundo relatório da Eurasia divulgado na noite de terça-feira. Veja outros comentários:

  • Eventual prisão de Renan não muda probabilidade de 80% de impeachment de Dilma Rousseff
    • “Processo de impeachment está fora das mãos de Calheiros; se ele cair, Jorge Viana pode assumir o posto. A despeito de ser um aliado de Dilma, seria muito limitada capacidade do senador de afetar processo de impeachment”
    • É pouco provável que ele fique no posto por período prolongado
  • Autorização do STF para prender um senador em exercício levará tempo e é difícil prever desfecho
  • Há especulação no Congresso de que procuradores vazaram a notícia para colocar pressão no STF, que, segundo notícias, estava avaliando pedidos há mais de uma semana
  • NOTA: Janot pede ao STF prisão de Renan, Sarney e Jucá: Globo

 

Esta matéria foi publicada em tempo realapara assinantes do serviço BloombergaProfessional.

Aprenda a investir na bolsa