Todos têm direito

“Todo mundo tem direito de criticar, inclusive Lula”, diz Dilma Rousseff

A presidente participou de evento realizado pelo Comitê Olímpico Brasileiro, no Rio de Janeiro; ela tentou evitar falar sobre política e economia, mas comentou sobre declarações de Lula

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Em evento promovido pelo Comitê Olímpico Brasileiro, no Rio de Janeiro, a presidente Dilma Rousseff evitou falar sobre política e economia. A presidente aproveitou para desejar sorte aos atletas que representarão o país nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, que começam no próximo dia 10 de julho. 

Contudo, ela não conseguiu se desvencilhar de perguntas com cunho político: após as críticas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de que o PT está velho e que precisa se reinventar, durante evento realizado ontem no Instituto Lula (além de críticas à gestão da presidente em eventos fechados), a presidente afirmou: “todo mundo tem direito de criticar, inclusive Lula”. 

Durante evento no Instituto ontem, Lula afirmou“eu acho que o PT perdeu um pouco a utopia. Eu lembro como é que a gente acreditava nos sonhos, como a gente chorava quando a gente mesmo falava, tal era a crença. Hoje nós precisamos construir isso porque hoje a gente só pensa em cargo, a gente só pensa em emprego, a gente só pensa em ser eleito e ninguém hoje mais trabalha de graça”.

Aprenda a investir na bolsa

Na semana passada, diante de um grupo de religiosos, Lula já havia feito críticas a seu partido e à Dilma. Ele afirmou que Dilma não ouve suas orientações e, principalmente, insinuando que ela mentiu na campanha eleitoral quando disse que não prejudicaria os trabalhadores e nem reajustaria determinadas tarifas e depois de eleita fez o contrário. 

Hoje, no Rio de Janeiro, Dilma fez um breve discurso no Parque Aquático Maria Lenk, em comemoração ao Dia Olímpico, e lembrou o papel da nadadora brasileira na formação de novos atletas à 200 crianças de projetos sociais que acompanharam a cerimônia e participam de atividades esportivas: “as crianças e jovens que se apresentaram hoje são legítimos herdeiros da dedicação e excelência de Maria Lenk. Vocês nos estimulam a trabalhar sempre mais”. Ela ainda afirmou que a presidente do Magazine Luiza, Luiza Helena Trajano, substituitá Henrique Meirelles em conselho olímpico. 

Dilma ressaltou que Toronto servirá como preparação para os Jogos Olímpicos de 2016. Dilma acrescentou que a Olimpíada, no Rio de Janeiro, terá como resultado “um Brasil vencedor e orgulhoso de seus atletas”. “Tenho certeza que o Brasil inteiro, junto com vocês, fará desse evento esportivo uma marca na história mundial”.

A presidente assistiu à apresentação do Ginga, mascote do Time Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Toronto. O animador da torcida brasileira será uma onça pintada, metade amarela e metade verde, que sambou, jogou capoeira e dançou uma coreografia baseada nos esportes olímpicos.

Antes, acompanhada do prefeito Eduardo Paes e do governador Luiz Fernando Pezão, a presidente pode ver saltos ornamentais, como o de Juliana Veloso, três vezes medalhista pan-americana. Dilma acompanhou, ainda, a coreografia de nado sincronizado apresentada pelas atletas Ana Julia Veloso e Julia Catarina.

(Com Agência Brasil)

PUBLICIDADE