Segundo jornal

Temer teve acesso à delação vazada da Odebrecht antes da imprensa

Conforme conta a jornalista Mônica Bergamo, dias antes da divulgação do vazamento da delação, informações sobre o envolvimento de nomes próximos ao presidente Michel Temer já circulavam em Brasília e chegaram ao peemedebista

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A despeito do sigilo determinado para delações premiadas, o Palácio do Planalto soube antes ainda da divulgação da imprensa do teor de parte do depoimento do ex-executivo da Odebrecht Claudio Melo Filho às investigações da Operação Lava Jato, envolvendo o primeiro escalão do governo no caso do petrolão. As informações são da colunista da Folha de S. Paulo, Mônica Bergamo.

Conforme conta a jornalista, dias antes da divulgação do vazamento da delação, informações sobre o envolvimento de nomes próximos ao presidente Michel Temer já circulavam em Brasília e chegaram ao peemedebista, além da própria citação direta a ele pelo delator.