Segundo jornal

Temer prepara decreto para atacar fraudes no programa Bolsa Família

Uma fiscalização mais rigorosa levará ao desligamento de 600 mil famílias somente na folha de pagamento de setembro

SÃO PAULO – O jornal O Globo noticiou nesta sexta-feira que o governo Michel Temer finaliza um decreto para alterar regras de acesso e permanência no programa Bolsa Família, uma das principais bandeiras da gestão petista na área social. Segundo a publicação, haverá um cruzamento com seis bases de dados oficiais no momento da inscrição para que se evite fraudes com declarações de renda. Também será reduzida de três vezes para duas a tolerância para que participantes que caiam na “malha fina” do programa sejam desligados.

A ideia do governo é colocar regras mais consistentes de checagem para que os que mais necessitam do programa sejam melhor atendidos. As medidas dificultarão o acesso ao Bolsa Família. Conta o jornal que uma fiscalização mais rigorosa levará ao desligamento de 600 mil famílias somente na folha de pagamento de setembro. O programa hoje atende a cerca de 50 milhões de pessoas.