Ao SBT

Temer diz que não disputará reeleição e que colocará “economia nos trilhos”

Atual vice-presidente concedeu entrevista ao SBT e comentou sobre o fim de programas sociais e das críticas que tem recebido da presidente Dilma

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O atual vice-presidente Michel Temer (PMDB) concedeu uma entrevista para o jornalista Kennedy Alencar, do SBT, e afirmou que, se assumir a Presidência, não pretende disputar a reeleição em 2018. Além disso, o peemedebista disse ainda que irá acabar com a reeleição. “Sem dúvida alguma, porque isso me dá maior liberdade até para a ação governamental se eu vier a ocupar o governo”, afirmou. 

Temer declarou ainda que sua prioridade é “colocar a economia nos trilhos” para aumentar “a geração de empregos”. “Eu tenho certeza de que as medidas que nós viermos a propor serão compreendidas pelo Congresso Nacional e seguramente serão acordadas previamente com setores que venham a participar dessas negociações”, disse o vice sobre apoio do Congresso para suas propostas.

Sobre os recentes boatos relacionados à diminuição – ou fim – de programas sociais, Temer negou que tomará tal atitude. “Fala-se que eu vou retirar os direitos sociais, tipo Bolsa Família, Pronatec. Não vou mexer em nada disso. Pelo contrário. (…) Contesto aqueles que dizem que eu vou liquidar com esses direitos”, afirmou.

Aprenda a investir na bolsa

A respeito das críticas que recebe da presidente Dilma Rousseff, como a de que teria conspirado para chegar ao poder, ele diz que “todo o povo brasileiro deve respeitá-la pelo período que ela está passando. (…) Eu não tenho nenhum desapreço pela senhora presidente, por mais que ela possa fazer uma ou outra acusação a meu ver injustificadas”.