Futuro ministro

Tarcísio Freitas diz que PPI vai ficar na Presidência da República

Tarcísio não informou se continuará subordinado à Secretaria-Geral da Presidência

Tarcísio Gomes de Freitas, indicado para ser ministro da Infraestrutura, afirmou nesta terça-feira, 27, em coletiva de imprensa que o Programa de Parcerias de Investimento (PPI) ficará ligado à Presidência da República quando Jair Bolsonaro (PSL) assumir o cargo.

Tarcísio, que foi engenheiro do Exército e atualmente é secretário de projetos do PPI, não informou se continuará subordinado à Secretaria-Geral da Presidência. O órgão será comandado pelo advogado Gustavo Bebianno, braço direito de Bolsonaro durante a campanha.