Mais um nome

Sergio Moro é cotado como candidato do Podemos na disputa pelo Planalto em 2022

Evento, que deve ocorrer em novembro, pode marcar filiação ao partido do ex-juiz da Lava Jato e ex-ministro do governo de Jair Bolsonaro

Moro anuncia demissão e acusa Bolsonaro de interferir na PF
O ex-juiz Sergio Moro (Foto: GABRIELA BILó/ESTADÃO CONTEÚDO)

GONÇALVES (MG) – O Podemos prepara, para novembro, um evento em Brasília que deve anunciar a filiação do ex-juiz Sergio Moro aos quadros do partido. O ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública do governo de Jair Bolsonaro (sem partido) é o principal nome do Podemos para a disputa das eleições presidenciais em 2022.

Segundo o Valor Econômico, a partir da citação de uma fonte próxima à cúpula do partido, Moro já havia sinalizado que pretende concorrer à Presidência pela sigla. A formalização da pré-candidatura às eleições presidenciais, no entanto, só será realizada em um outro momento.

Em entrevista recente, a presidente do Podemos, a deputada federal Renata Abreu, afirmou que Moro estava decidindo a filiação e a possível candidatura ao Planalto em conversas reservadas com a família dele.

Ele também não poderá bater o martelo agora sobre a filiação e possível candidatura ao maior cargo público do país porque possui contrato de trabalho, até novembro, na consultoria Alvarez & Marsal, em Washington (EUA), onde vive no momento.

Em setembro, Moro esteve no Brasil para encontros com diversas lideranças políticas que romperam com o bolsonarismo para formar alianças de olho em 2022.

O Podemos foi a primeira legenda a oferecer filiação a Moro, ainda em 2020. Na ocasião, as tratativas não seguiram êxito porque o ex-juiz responsável pela operação Lava Jato queria manter uma postura mais técnica diante do comando da pasta da Justiça, uma área sensível do governo federal.

Quando deixou o governo Bolsonaro, o Podemos disse, por nota, que Moro foi “um verdadeiro titã e, pelos serviços prestados, já deixou marca inapagável na história institucional do país. O preço de uma sociedade mais justa é a luta permanente”.

O nome de Moro entra no jogo eleitoral já movimentado para 2022. No PSDB, as prévias que decidirão um tucano para as eleições estão sob a disputa dos governadores Eduardo Leite (Rio Grande do Sul) e João Doria (São Paulo), além do ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio.

Curso inédito “Os 7 Segredos da Prosperidade” reúne ensinamentos de qualidade de vida e saúde financeira. Faça sua pré-inscrição gratuita.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE