Eleições

Sensus confirma cenário com Aécio à frente de Marina; distância entre Dilma e tucano cai

Apesar do empate técnico, tucano está em tendência de alta, 23,6% das intenções de voto ante 20,6% da pesquisa anterior, frente 22,6% da candidata do PSB, que ficou estável

SÃO PAULO – Última da véspera do primeiro turno, a pesquisa ISTOÉ\Sensus realizada entre a sexta-feira 3 e o sábado 4 corroborou as outras quatro pesquisas, com Aécio Neves (PSDB) superando Marina Silva (PSB) na reta final do primeiro turno.

Apesar do empate técnico, ele está em tendência de alta, 23,6% das intenções de voto ante 20,6% da pesquisa anterior, frente 22,6% da candidata do PSB, que ficou estável; Dilma Rousseff (PT) possui 35,9%, ante 37,3% do levantamento anterior.  “A dinâmica das pesquisas mostra que a diferença entre Aécio e Marina deve aumentar até o encerramento da votação”, afirma Ricardo Guedes, diretor do Instituto Sensus. Se considerados os votos válidos, Dilma tem 42%, Aécio 27,6% e Marina 26,4%.

A pesquisa também mostrou que, em simulações de segundo turno, a diferença entre Aécio e Dilma caiu. Dilma tinha 45,8% das intenções de voto e Aécio 36,9% no levantamento anterior, uma diferença de 5,9 pontos percentuais. Já na última pesquisa, a presidente tinha 43,2% das intenções de voto e Aécio 39,2%: uma diferença de quatro pontos. No cenário de uma disputa entre Dilma e Marina, a presidente teria 43,5% e a ex-senadora 37,3%.

PUBLICIDADE