Reforma radical

Senado cria comissão para estudar mudança para “semipresidencialismo”

Renan Calheiros e José Serra discutem mudar totalmente o sistema político brasileiro atual e reduzir os poderes do presidente da República

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Senado aprovou a criação de uma comissão especial para debater a mudança do sistema político brasileiro atual do presidencialismo para algo mais próximo ao parlamentarismo. Segundo a Folha de S. Paulo, a ideia surgiu de conversas entre Renan Calheiros (PMDB-AL) e José Serra (PSDB-SP). 

O objetivo da mudança do nosso sistema político seria oferecer uma alternativa de governabilidade se houver um agravamento da crise política ou um impeachment da presidente Dilma Rousseff. Subscrita por 41 dos 81 senadores, a proposta pode aproximar a organização política brasileira da de países europeus como Portugal e França, onde há um primeiro-ministro que cuida da gestão com o gabinete, mas com um presidente que tem mais poderes do que em um parlamentarismo puro como o inglês. 

A mudança é apoiada pelo ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso. 

Aprenda a investir na bolsa

InfoMoney faz atualização EXTRAORDINÁRIA na Carteira Recomendada; confira

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa