Pesquisa Ibope

Sem Lula, eleitores de São Paulo dividem-se entre Bolsonaro e Alckmin na corrida presidencial

Petista lidera com 22% das intenções de votos no Estado

SÃO PAULO – Um dos principais nomes “pró-mercado” para as eleições à Presidência deste ano, Geraldo Alckmin (PSDB) está tecnicamente empatado com Jair Bolsonaro (PSL) em São Paulo, reduto em que o partido está no comando por mais de 20 anos, conforme apontou a última pesquisa Ibope divulgada na noite última terça-feira (24).

No cenário sem Luiz Inácio Lula da Silva, Bolsonaro possui 16% das intenções de votos, enquanto Alckmin 15%. Colocando o ex-presidente no páreo, o petista lidera com 22% dos votos, seguido por Bolsonaro (14%) e o tucano (12%). Entre as simulações com ou sem Lula, na terceira colocação está Marina Silva (Rede), que oscila entre 9% e 12% das intenções de voto nos dois cenários apresentados pelo Ibope. Imediatamente aparece o ex-ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Joaquim Barbosa (PSB), variando entre 8% e 10%. Como possível candidato do PT no lugar de Lula, Fernando Haddad aparece com 3% das intenções de votos, praticamente empatado com Ciro Gomes (PDT) e Temer (MDB), com 4% e 2%, respectivamente,

O instituto também realizou pesquisa sobre as eleições para o governo de São Paulo e João Doria (PSDB) aparece na liderança com 24%, seguido por Paulo Skaf (MDB) com 19%. Em um possível segundo turno, o tucano e o presidente da Fiesp aparecem empatados com 32%. Contra o petista Luiz Marinho, ex-prefeito de São Bernardo do Campo, Doria ganha por 41% a 21%.

PUBLICIDADE

A pesquisa, que foi encomendada pela Band e ouviu 1.008 eleitores, foi realizada entre os dias 20 e 23 de abril. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.