Rússia e Japão querem continuar negociações para assinar tratado de paz

Tratado acabaria com a disputa territorial sobre as ilhas Curilas, que estão em poder da Rússia desde 1946

SÃO PAULO – Os ministros de Relações Exteriores do Japão, Masahiko Komura, e da Rússia, Sergei Lavrov, afirmaram que estão dispostos a continuar um diálogo para a assinatura de um tratado de paz entre os dois países.

O acordo trataria sobre o controle das ilhas Curilas, que estão sob domínio russo desde o fim da Segunda Guerra Mundial. O Japão reivindica a devolução do arquipélago.

Encontro do G8

Na visita do ministro japonês à Rússia, que termina nesta terça-feira (15), ainda não foi assinado nenhum acordo. Mas os dois governos já confirmaram que pretendem continuar as discussões na reunião do G8, o grupo dos sete países mais desenvolvidos e a Rússia.

PUBLICIDADE

O encontro acontecerá em julho, no Japão, onde o primeiro-ministro do país, Yasuo Fukuda, irá se reunir com o presidente eleito da Rússia, Dmitri Medvedev.