Notícia negada

Rodrigo Maia nega ter dito que projeto da Eletrobras não tem apoio

Segundo publicou o colunista Ricardo Noblat, da revista Veja, Maia teria feito essa afirmação durante reunião nesta quarta-feira com o presidente da estatal, Wilson Ferreira Jr., e com o relator da proposta na Casa, José Carlos Aleluia (DEM-BA), na residência oficial da Presidência da Câmara, em Brasília

(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), negou nesta quarta-feira, 21, ter dito que o projeto que autoriza a privatização da Eletrobras não tem apoio suficiente na Casa para ser aprovado. Segundo publicou o colunista Ricardo Noblat, da revista Veja, Maia teria feito essa afirmação durante reunião nesta quarta-feira com o presidente da estatal, Wilson Ferreira Jr., e com o relator da proposta na Casa, José Carlos Aleluia (DEM-BA), na residência oficial da Presidência da Câmara, em Brasília.

“Não disse isso. Tinham boatos anteriores de que Aleluia só queria votar depois da eleição. Chamei o Aleluia e disse: vamos votar quando? Até 15 de abril? Ele falou ‘pode, acho que dá’. Ele deu uma entrevista dizendo que vota até 15 de abril. Isso é porque tem voto”, declarou Maia a jornalistas.

É hoje! Aprenda como se posicionar agora para lucrar na Bolsa com as eleições. Clique aqui para saber mais. 

PUBLICIDADE