Destaques

“Rio será a cidade mais segura do mundo”: as 14 frases que resumem a semana

Para tentar resumir alguns dos principais acontecimentos do conturbado período, o InfoMoney selecionou frases ditas por personagens da política e do mercado

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Uma semana intensa, que começou com as atenções do mercado voltadas para a disputa pelo poder na Câmara dos Deputados em nível doméstico e nas políticas monetárias frouxas ao redor do mundo, encerra com mais um trágico episódio ocorrido na França, com um ataque em Nice que culminou na morte de pelo menos 84 pessoas que participavam da celebração no dia da Queda da Bastilha. Para tentar resumir alguns dos principais acontecimentos do conturbado período, o InfoMoney selecionou 13 frases ditas por personagens da política e do mercado.

Confira algumas das frases que marcaram a semana:

“Nossa ideia é acabar com essa história da divisão. Quando chegar agosto, não haverá cicatriz. Eu quero aos poucos desidratar essa coisa de Centrão e outro grupo (formado pela antiga oposição). É preciso unificar isso”. Michel Temer, presidente da República interino.

Aprenda a investir na bolsa

 

“Hoje derrotar o impeachment é mais fácil do que antes”. Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente da República.

 

“Sem a esquerda, não venceríamos essa eleição”. Rodrigo Maia (DEM-RJ), eleito novo presidente da Câmara dos Deputados com mandato até fevereiro de 2017.

 

“Independentemente, do jogo político, o embate, independentemente das disputas, tem que prevalecer sempre o bom combate, que no futebol a gente chama de fair play”. Rogério Rosso (PSD-DF), candidato do ‘centrão’, derrotado nas eleições para a presidência da Câmara.

PUBLICIDADE

 

“Hoje, sou eu. É o efeito Orloff: vocês, amanhã”. Eduardo Cunha (PMDB-RJ), ex-presidente da Câmara e deputado federal afastado.

 

[O ministro da Fazenda] é uma pessoa competente na área dele. Eu não considero que Henrique Meirelles representa este governo como um todo”. Dilma Rousseff, presidente da República afastada.

 

“É um verdadeiro ‘non sense’ querer condenar com base nisso. Se o senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) quiser seguir a orientação de seu partido e propor no relatório a condenação vai ser com uma situação jurídica muito frágil”. José Eduardo Cardozo, ex-ministro e advogado de Dilma Rousseff, sobre o pedido de arquivamento pelo Ministério Público Federal do procedimento que investigava as ‘pedaladas fiscais’ referentes ao Plano Safra.

 

“Toda a França está sob ameaça do terrorismo islâmico”. François Hollande, presidente da França.

PUBLICIDADE

 

“Me chame de antiquado, mas eu não gosto de um investimento em que você tem certeza que não ganhará dinheiro “. Jeff Gundlach, fundador da gestora DoubleLine Capital e que administra US$ 100 bilhões em investimentos, ao falar sobre a epidemia global de juros negativos.

 

“Estamos vivendo a tempestade perfeita ao contrário. É uma calmaria perfeita”. Pablo Spyer, diretor da mesa de trade da corretora Mirae Asset, sobre o momento da bolsa brasileira.

 

“Quem bater na porta do Tesouro Nacional terá uma única reposta: vocês têm ativos muito bons, vendam, pois não há recursos para capitalização”. Mansueto Almeida, secretário de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda.

 

“O populismo e o ideologismo fizeram muito mal para o Brasil e para a América Latina. O que o Brasil precisa, neste momento, é perder o medo do debate”. Mansueto Almeida.

PUBLICIDADE

 

“Finalmente voltaremos para território positivo no próximo ano com potencial de termos uma surpresa positiva”. Will Landers, chefe global de mercados emergentes da BlackRock, sobre as expectativas para a economia brasileira com o governo Michel Temer.

“Durante a Olimpíada o Rio será a cidade mais segura do mundo”. Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro em fala à jornalistas após reunião sobre a segurança durante os jogos após os atentados na França.