Efeito-intervenção

Repercussão da intervenção no Rio acende alerta no PT e Lula tenta reagir

Aliados do presidente Michel Temer se convenceram de que ele deu uma tacada certeira ao ver a reação do PT

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A reação de petistas à intervenção federal no Rio de Janeiro ampliou a percepção entre integrantes da base aliado do governo Michel Temer de que o presidente deu uma “tacada certeira” com a medida, informa a coluna Painel, da Folha de S. Paulo.  

A repercussão da ação acendeu uma luz amarela no PT, informa a coluna. Assim, a pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Fernando Haddad, coordenador do programa de governo da sigla, vai se debruçar na formulação de propostas de combate ao crime e à violência até o início da caravana pelo Sul.

Conforme análise publicada pelo InfoMoney nesta semana,  a movimentação do governo dificulta a construção de narrativas pela oposição, uma vez que agora a agenda conta com maior aprovação popular, em detrimento à rejeitada reforma previdenciária, muito associada à perda de direitos adquiridos por boa parte dos eleitores.

PUBLICIDADE

Assim, a depender do andamento da operação no Rio de Janeiro e a resposta dos eleitores, o PT terá uma faixa limitada para fazer alguma oposição exitosa eleitoralmente neste campo. Veja mais clicando aqui. 

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear